Representantes do Metrô de Medellín visitam BRT Sorocaba

Objetivo da visita foi conhecer o sistema por sua tecnologia, operação e prestação de serviço. Foto: Divulgação.

Colombianos realizaram viagem no Corredor Itavuvu e no Terminal Vitória Régia

JESSICA MARQUES

O sistema BRT Sorocaba, que transporta mais de 53 mil passageiros por dia, recebeu uma visita de representantes do Metrô de Medellín, na Colômbia.

Na ocasião, recepcionados pela equipe da concessionária, Carlos David Agudelo e Juan Carlos Londoño, acompanharam as atividades no sistema.

A partir do CCO (Centro de Controle Operacional), os visitantes viram como funciona o transporte, os serviços disponibilizados aos passageiros e todos os bastidores de assistência à operação.

Além disso, passaram pela experiência como usuário ao embarcarem no Corredor Itavuvu, descerem em uma estação e regressarem ao Terminal Vitória Régia.

Em nota, o diretor de operações da BRT Sorocaba, Manoel Ferreira, explica que a melhor forma de apresentar o sistema é convidando o visitante para fazer uma viagem como se fosse um passageiro e percorrer todas as etapas, desde o acesso nas catracas até as baldeações e a chegada ao destino.

“Sempre mostramos os bastidores, explicamos detalhes e tiramos dúvidas sobre como funciona a operação. Porém, a forma mais genuína de saberem o porquê somos considerados uma referência é tendo a sua própria experiência. Fazemos o visitante sentir na pele, assim, terá uma visão real e poderá falar sobre o que viu e viveu”, disse, em nota.

O diretor de negócios do Metrô de Medellín, Carlos David Agudelo, disse que o objetivo da visita foi conhecer o sistema por sua tecnologia, operação e prestação de serviço.

“O que mais chamou atenção foi o uso da tecnologia definitivamente. Desde os pagamentos, o planejamento, o monitoramento e como se comunicam com os usuários para alcançar a todos que usam o sistema”, detalhou.

“Sorocaba pode ser uma referência para Medellín, onde ambas cidades podem trocar experiências em função de um melhor serviço de transporte para América Latina e Caribe”, afirmou o engenheiro Juan Carlos Londoño.

Durante a visita estiveram presentes também representantes do Hub Uniq, Cittamobi e Cittati Brasil e Colômbia.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta