Estação Pedro II do Metrô será reaberta para abrigar moradores em situação de rua durante nova onda de frio

Acolhimento será feito a partir deste sábado (11); haverá distribuição de kits de higiene e refeições

ADAMO BAZANI

A partir deste sábado, 11 de junho de 2022, a estação Pedro II da linha 3-Vermelha do Metrô de São Paulo, volta a abrigar pessoas em situação de rua por causa da nova onda de frio esperada para este fim de semana e início da próxima.

Segundo o Governo de São Paulo, a Defesa Civil do Estado irá emitir “estado de alerta” para baixas temperaturas em todo o território a partir deste domingo (12) até a próxima terça-feira (14). Os alertas são emitidos sempre que a sensação térmica mínima é de 13ºC.

A promessa é que, além do acolhimento na estação, com a disponibilização de colchões e cobertores, haverá distribuição de kits de higiene e refeições.

O governo chamou a ação de Noites Solidárias”.

A estação vai realizar este abrigo, inicialmente, até terça-feira (14), entre 19h e 8h do dia seguinte.

Em nota, o Governo do Estado diz que será mantido o mesmo formato da ação anterior, realizada entre os dias 17 e 20 de maio e que abrigou 179 pessoas: capacidade para abrigar 100 pessoas nas dependências da estação Pedro II do metrô e o fornecimento de jantar às pessoas por meio de uma unidade do Bom Prato Móvel. Na manhã seguinte, os abrigados serão encaminhados à unidade 25 de março do Bom Prato para o café da manhã.

TERMINAIS E ESTAÇÕES RECEBEM DOAÇÕES:

Terminais de ônibus metropolitanos (EMTU), estações de trens e metrô e unidades do Poupatempo recebem doações de roupas e cobertores em bom estado até 21 de setembro.

Todo material será destinado pelo Fundo Social de São Paulo que distribuirá para as pessoas que necessitam deste apoio.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta