Rodoviários do Rio de Janeiro decretam estado de greve

Depois do prazo estipulado, uma greve de fato pode acontecer. Foto: Leonardo Rodrigues da Silva/Ônibus Brasil.

Justiça pediu para aguardar pelo menos até o dia 19 de maio para um posicionamento definitivo

WILLIAN MOREIRA

O Sindicato dos Rodoviários do Rio de Janeiro anunciou que a reunião realizada nesta segunda-feira, 09 de maio de 2022, entre a entidade e o TRT (Tribunal Regional do Trabalho) terminou sem um acordo. Com isso, a categoria estabeleceu um estado de greve no setor de transporte coletivo da cidade.

O motivo foi o não entendimento a respeito do dissídio de 2020/2021 e de 2021/2022.

Segundo o presidente do sindicato, ao Jornal O Dia, foi solicitado para a categoria aguardar até o próximo dia 19 para uma posição definitiva. Se até essa data não tiver uma definição, o Tribunal deve julgar a greve dos rodoviários.

Os trabalhadores estão incomodados com uma “falta de sensibilidade” por parte das empresas de ônibus e também da Prefeitura do Rio, especialmente quanto ao reajuste salarial.

O sindicato afirma também que são três anos sem uma manutenção dos pagamentos, benefícios e cesta básica.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. CARLOS CORREA SIGNORELLI disse:

    Poderiam ter dado aumentos em dose homeopáticas, agora na atual situação eu não sei. Acho que o RJ está totalmente a deriva! Prefeito não sabe o que está fazendo! Muito blá blá blá, e funcionalidade zero. E os hospitais, UPA, etc etc. Sem falar em moradores de rua, que coloca medo em muitas pessoas!

  2. Rua Joao carvalho de. Morais NUM.171 cobrex nova iguacu rj. disse:

    O engraçado não é isso,eles almentaram a tarifa dos ônibus mais de 10% e querem dar 2% ao trabalhador, isso é uma falta de consideração muito grande com quem leva o sustento desses miseráveis, aproveitadores do povo. Muito revoltado com esses empresários.

  3. Clarisse Terra disse:

    Façam uma greve inteligente; querem o apoio da população? Rodem com os ônibus sem cobrança de passagens ; rapidamente os empresários e prefeitura,resolverão. Ninguém quer perder tanto dinheiro diariamente. Mais articulação e planejamento ,sem penalizar os demais trabalhadores. Obrigada!

  4. Marcos santos silva disse:

    O problema do cidadão carioca, mesmo sabendo do canalha e safado que é esse prefeito ainda foi colocar atravéis do voto, eu acho que o povo é o problema pois não sabe votar e agora não pode reclamar.

Deixe uma resposta