Estado de São Paulo vai comprar 970 ônibus escolares por R$ 251,3 milhões

Também serão adquiridos 119 caminhões frigoríficos para transporte de merenda

ADAMO BAZANI

O governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, anunciou nesta terça-feira, 10 de maio de 2022, a liberação de R$ 280,4 milhões para compra 1.089 veículos destinados à educação.

Os recursos virão integralmente dos cofres do Estado e a aquisição será por meio de concorrência.

Serão R$ 251,3 milhões para a aquisição de 970 ônibus escolares e R$ 29,1 milhões para a compra de 119 caminhões frigoríficos para transporte da alimentação escolar.

“Educação, sem dúvida nenhuma, é o principal instrumento que uma sociedade tem de transformação. Nós somos frutos das escolhas que foram tomadas no passado. E, no futuro, nós seremos fruto das escolhas e decisões de hoje. A educação talvez simbolize aquilo que mais representa o que a gente quer para o futuro do estado e do Brasil”, disse Rodrigo Garcia, de acordo com nota do governo do Estado.

Garcia realizou a entrega dos primeiros 78 veículos adquiridos pelo Governo de São Paulo.

Foram 57 novos ônibus escolares e 21 caminhões frigoríficos para merenda que custaram em torno de R$ 20 milhões.

O Governo diz que, desde 2019, comprou 1.838 ônibus escolares por R$ 462,98 milhões.

“Ter transporte é garantir o acesso dos alunos à educação e a educação possibilita a melhoria de vida de famílias inteiras. Pela primeira vez, também estamos cedendo caminhões frigoríficos, pois é muito importante garantir alimentação saudável para nossos estudantes”, disse a secretária da Educação do Estado, Renilda Peres, na mesma nota.

Ônibus escolares

A gestão estadual diz que foram adquiridos três tipos de ônibus escolares: ORE 1, com capacidade para 29 pessoas sentadas; o ORE2, com capacidade para 44 pessoas sentadas; e o ORE3, com capacidade para 40 pessoas sentadas. Todos os modelos são equipados com dispositivo para transposição de fronteira, do tipo poltrona móvel (DPM) para embarque e desembarque de estudante com deficiência, ou com mobilidade reduzida, que permite realizar o deslocamento de uma ou mais poltronas do salão de passageiros, do exterior do veículo, ao nível do piso interno.

Caminhões frigoríficos

Os veículos do tipo caminhão são equipados com uma carroçaria rígida própria para refrigeração e congelamento, que possibilitam transporte de produtos alimentícios para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). No total, podem ser transportados 3,3 kg de alimentos congelados e/ou secos.

Relação dos municípios que receberam os veículos:

 Ônibus escolar

Adamantina

Altinópolis

Álvares Florence

Apiaí

Aracoiaba da Serra

Ariranha

Bariri

Braúna

Cachoeira Paulista

Cândido Rodrigues

Cássia dos Coqueiros

Colina

Coroados

Cristais Paulista

Dumont

Estiva Gerbi

Estrela D’oeste

Fernando Prestes

Guariba

Ipeúna

Iracemápolis

Itanhaém

Lagoinha

Mairiporã

Mendonça

Miguelópolis

Mirassolândia

Mogi Mirim

Monte Aprazível

Monte Azul Paulista

Morro Agudo

Murutinga Do Sul

Patrocínio Paulista

Paulo De Faria

Pederneiras

Pedregulho

Piedade

Pirangi

Presidente Epitácio

Presidente Venceslau

Quatá

Quintana

Restinga

Rio Claro

Sales

Santa Rosa de Viterbo

Santo Antônio da Alegria

Santo Antônio do Pinhal

São Bento do Sapucaí

São Luiz do Paraitinga

São Pedro do Turvo

Serra Negra

Tabapuã

Taiacu

Tejupá

Turiúba

Zacarias

Caminhão frigorífico para merenda

Águas de Lindóia

Alvinlândia

Bastos

Cabrália Paulista

Canitar

Capela do Alto

Espírito Santo do Turvo

Gália

Getulina

Herculândia

Iacri

Jaboticabal

Jaú

Jeriquara

Maracaí

Novo Horizonte

Palmital

Parapuã

Rinópolis

São José da Bela Vista

Sarutaiá

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta