Com seis novos Millennium BRT Superarticulado da Caio, Consor aumenta oferta de transportes em Sorocaba (SP)

Cada veículo de 23 metros de comprimento tem capacidade para 176 passageiros

ADAMO BAZANI

O BRT (Bus Rapid Transit) Sorocaba passou a contar com mais seis unidades do ônibus Millennium BRT Superarticulado, com carroceria Caio, o que aumentou a oferta de transportes do sistema.

As unidades foram adquiridas pela CS Brasil e MobiBrasil, empresas formam o Consórcio Sorocaba (Consor).

Segundo a fabricante Caio, os veículos zero km com chassis Mercedes-Benz complementam a frota em operação, que transporta uma média de 32 mil passageiros por dia.

“Sorocaba agrega o que há de mais moderno em mobilidade urbana, proporcionando agilidade nas viagens, conforto por meio de ônibus com tecnologia de ponta, acessibilidade e segurança aos passageiros, além das inovações no controle operacional da frota. É gratificante participarmos da evolução do transporte coletivo da cidade”, disse, por meio de nota, o representante de vendas da Caio, José Gildo Rego Vendramini.

Os Millennium BRT “Superarticulado” possuem 23 metros de comprimento e lotação total de 176 passageiros, para atender à demanda de transporte em corredores de ônibus.

A configuração para o sistema sorocabano é de sete portas ao longo da carroceria, sendo três do lado direito, posicionadas na altura da via, e quatro do lado esquerdo, no mesmo nível da plataforma do Sistema BRT.

Em nota, a Caio traz outros detalhes dos veículos.

Todos os veículos possuem monitoramento por câmeras, telas nos salões internos para fornecer informações aos passageiros e itens de tecnologia embarcada, como tomadas USB para recarga de dispositivos móveis e sistema Wi-fi, com internet gratuita.

Contam também com sistema multiplex, que identifica possíveis falhas na parte operacional e elétrica do veículo

Poltronas totalmente estofadas e sistema de ar condicionado garantem o conforto durante as viagens. O embarque de pessoas com necessidades especiais e idosos é facilitado pela total acessibilidade dos ônibus e do embarque, no mesmo nível da estação com o veículo. Além de elevador, o salão interno possui espaços para cadeirantes e assentos reservados para PcD – Pessoas com Deficiência.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Lilian disse:

    Propaganda enganosa me desculpe mas o ônibus da Villa Fiore de Sorocaba é uma vergonha, horário das 6:00 , horário de picos , o pessoal que sai cedo trabalhar ônibus lotados, péssimos filas absurdas , não dobram a quantidade de ônibus nesse horário tem pessoas que passam até mal no ônibus sem ar-condicionado, todo quebrado todos os dias é essa vergonha de condução.

Deixe uma resposta