Prefeito Ricardo Nunes abre crédito de R$ 12,3 milhões para construção de terminais de ônibus em São Paulo

Prefeitura prevê construir terminal de ônibus no Grajaú

Recursos são provenientes de superávit financeiro do exercício anterior; em outro decreto, Nunes retira R$ 5,4 milhões de corredores de ônibus

ALEXANDRE PELEGI

O Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, publicou decreto nesta sexta-feira, 06 de maio de 2022, autorizando Crédito Adicional Suplementar de R$ 16,5 milhões, dos quais R$ 12,3 milhões para a construção de Terminais de Ônibus na Capital.

Desse total, o decreto destina o valor de R$ 7,2 milhões para obras e instalações de Terminais, R$ 1,3 milhões para a aquisição de imóveis e R$ 3,7 milhões para despesas decorrentes da prestação de serviços por pessoas jurídicas para órgãos públicos.

De acordo com a publicação em Diário Oficial do Estado (D.O.E.), a cobertura desse crédito será feita com recursos provenientes do Superávit Financeiro apurado em balanço patrimonial do exercício anterior.

Na mesma edição do D.O.E. o prefeito retirou R$ 5,4 milhões do item orçamentário destinado à Ampliação, Reforma e Requalificação de Corredores de ônibus. Este valor, em conjunto com outras dotações, será utilizado principalmente para Intervenções no Sistema de Drenagem; Ampliação, Reforma e Requalificação de Parques Urbanos e Lineares e Construção de Unidades Habitacionais.

Em decreto de 28 de abril o prefeito retirou R$ 26 milhões originalmente destinados à construção de corredores de ônibus para Inspeção de Obras de Artes Especiais e Pavimentação e Recapeamento de Vias. Relembre:

Prefeito de SP tira R$ 26 milhões da construção de corredores de ônibus

Na ocasião, a prefeitura encaminhou nota ao Diário do Transporte informando que “em relação especificamente aos corredores, os investimentos previstos no Orçamento de 2022 seguem expressivos: são R$ 448,4 milhões de valor orçado disponível para intervenções em corredores nas secretarias da Infraestrutura Urbana e Obras e Mobilidade e Trânsito, além dos Fundos de Desenvolvimento Urbano; Desenvolvimento de Trânsito; e Desenvolvimento Social”.

Leia abaixo a íntegra dos decretos:

Print D.O.E. – 06 de maio de 2022


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta