Lactantes passam a ter o direito do assento preferencial nos ônibus urbanos do Rio de Janeiro

Foto: Diário do Transporte

A decisão da prefeitura inclui este grupo de pessoas com a prioridade de uso destes lugares

WILLIAN MOREIRA

A Prefeitura da cidade do Rio de Janeiro publicou nesta quinta-feira, 5 de maio de 2022, a lei 7.341 que trata da concessão de direitos públicos no transporte coletivo.

Segundo o documento, a partir de agora as lactantes, ou seja, mulheres que estão amamentando passam a ter o direito do uso de assentos preferenciais nos ônibus municipais.

Caberá às empresas de ônibus atualizar as placas informando deste direito concedido, identificando as lactantes por um laço dourado, símbolo da importância do aleitamento humano e uma breve descrição.

A partir de agora, as mães que estão dando leite materno para bebês se juntam aos idosos, pessoas com deficiência e demais grupos que tenham o direito ao uso dos bancos especiais.


Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Waldemar Araujo disse:

    Ué! Mas o assento preferencial já era permitido para quem estivesse com criança de colo de até 2 anos, lactante ou não

Deixe uma resposta