SPTrans divulga programação de atividades do Maio Amarelo 2022

Programação será realizada ao longo de todo o mês. Foto: Arquivo / SPTrans.

Objetivo é incentivar a convivência entre os modais, priorizando a vida

JESSICA MARQUES

A SPTrans, gestora do serviço de transporte público municipal por ônibus de São Paulo, divulgou a programação de atividades para o Maio Amarelo 2022.

Como parte das atividades, ao longo do mês, serão realizadas diversas ações educativas em forma de esquetes teatrais em terminais de ônibus municipais divulgando o Movimento Maio Amarelo e abordando temas como segurança e cidadania no transporte coletivo por ônibus.

As apresentações serão em 05, 12, 19 e 27 de maio, das 10h às 12h e das 14h às 16h.

Além disso, será realizada a exposição Evolução do Transporte coletivo para o público. Será uma van do Atende+, um ônibus elétrico, outro articulado e um trólebus antigo do acervo Museu no dia 6 de maio, no Pateo do Collegio, das 10h às 16h.

Por sua vez, para formar os passageiros do futuro e incentivar o uso do transporte coletivo, alunos entre oito e 12 anos participarão da ação “Andar de Ônibus em SP”, nos dias 11 e 18 de maio. Durante a atividade, as crianças receberão orientações sobre o funcionamento do sistema e como identificar os códigos nos coletivos. Além disso, as crianças entrarão no ônibus e receberão dicas para uma viagem segura.

A tradicional ação “Inversão de Papéis”, que tem como finalidade mostrar que ciclistas e motoristas podem conviver nas vias urbanas, também será realizada neste ano. Os participantes trocarão de papéis e poderão perceber como é estar no lugar do outro.

A atividade, programada para o dia 26 de maio, na USP, terá também um momento de diálogo para troca de experiências e sobre a importância de conhecer o ponto cego do coletivo.

Entre as iniciativas estão, ainda, ônibus adesivados com o intuito de chamar a atenção da população sobre o tema e a afixação de faixas em terminais municipais. A campanha será veiculada também nas Redes Sociais e site da SPTrans, inclusive com exibição de vídeo sobre os pontos cegos existentes para o motorista dos ônibus.

Também serão realizadas ações educativas e treinamentos voltados diretamente aos funcionários da SPTrans e aos motoristas de ônibus, representantes de RH e da área de comunicação das empresas operadoras do sistema de transporte coletivo.

“As ações da empresa reforçam o compromisso na preservação da segurança viária durante os deslocamentos das pessoas pela cidade e incentivam a convivência entre os diversos modais existentes”, informou a SPTrans, em nota.

Para saber mais sobre o Movimento Maio Amarelo, acesse aqui.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta