Criminosos incendeiam ônibus em Vila Velha (ES)

Coletivo ficou completamente destruído. Foto: Reprodução / TV Gazeta.

Veículo estava com 15 passageiros no momento do crime, mas ninguém ficou ferido

JESSICA MARQUES

Um grupo de criminosos incendiou um ônibus do Transcol em Vila Velha (ES) na noite desta quarta-feira, 20 de abril de 2022. O crime foi registrado na Rua Moema, no bairro Divino Espírito Santo.

Na ocasião, o veículo estava com 15 passageiros, mas ninguém ficou ferido. O Corpo de Bombeiros foi acionado para conter as chamas, porém o ônibus ficou completamente destruído.

De acordo com a Polícia Civil, um homem de 26 anos foi preso em flagrante por causar o incêndio e expor as pessoas a um risco de vida no veículo do transporte coletivo.

Conforme noticiado pela mídia local, o ato teria ligação com o assassinato de um jovem, que morreu após levar mais de 40 tiros.

Segundo o GVBus (Sindicato das Empresas de Transporte Metropolitano da Grande Vitória), já são 19 ônibus incendiados entre 2020 e 2022, com prejuízo médio de R$ 400 mil por veículo.

Confira a nota do sindicato, na íntegra:

A empresa responsável pelo coletivo informa que o ônibus incendiado pertence a linha 610. Nenhum passageiro ficou ferido. O GVBus informa, por sua vez, que, entre 2020 e 2022, foram registrados 19 ônibus incendiados por iniciativa de criminosos.

Os prejuízos, que giram em torno de R$ 400 mil em média por veículo incendiado (valor médio de um novo), recaem em todo o sistema, porém, no bruto, são arcados pela empresa proprietária do ônibus queimado. Destacamos que, embora os Consórcios possuam veículos reservas para garantir a operação, a destruição de um coletivo gera transtornos, já que um ônibus novo demora em torno de três meses para ser fabricado, além do período dos trâmites legais para que ele entre em circulação.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta