Cadastro para passe-livre estudantil em Suzano (SP) pode ser feito até esta sexta (21)

De acordo com prefeitura, já são cerca de três mil estudantes inscritos

ADAMO BAZANI

Estudantes que moram em Suzano, na Grande São Paulo, e que cursam o ensino fundamental, médio, técnico ou superior, têm até esta sexta-feira, 21 de janeiro de 2022 para se cadastrar no programa de passe-livre dos ônibus municipais.

A inscrição ocorre de forma virtual pelo site: www.suzano.gov.br/web/passe-livre

Têm direito à gratuidade estudantes que atendem aos requisitos sócio econômicos, como explica a prefeitura, em nota:

O benefício é voltado para os alunos moradores da cidade que cursam o ensino fundamental, médio, técnico ou superior. Para isso, é preciso se enquadrar no perfil socioeconômico familiar de até três salários mínimos ou de renda per capita de meio salário mínimo por pessoa da casa. Para esta primeira metade de 2022 era esperada uma busca de 2,5 mil estudantes pelo benefício, tendo em vista o retorno de muitas instituições às atividades presenciais. A estimativa foi superada em apenas duas semanas de inscrições.

Segundo a prefeitura, no site oficial do programa, o interessado deve dar entrada na solicitação da gratuidade inserindo seus dados pessoais. A plataforma ainda conta com vídeos tutoriais e seção de perguntas frequentes, para auxiliar aqueles que tiverem eventuais dificuldades. Após esta etapa, o estudante deve providenciar os documentos necessários, o que inclui RG, comprovante de endereço, folha-resumo do Cadastro Único (CadÚnico) dentro do prazo de validade e ficha de inscrição assinada pela instituição de ensino.

A administração municipal diz que até esta terça-feira (18), já foram três mil inscritos.

De acordo com o secretário de Educação de Suzano, Leandro Bassini, a expectativa agora é alcançar 3,5 mil cadastros nestes últimos dias. O titular da pasta ainda destacou que este número não representa efetivamente a quantidade de pessoas que serão beneficiadas na cidade, isto porque cada inscrição passará por procedimento de análise para verificar se o interessado se enquadra nos requisitos da gratuidade.

“Pedimos aos estudantes que não percam a data limite, para não se prejudicarem durante este novo período letivo que se aproxima. Diante do cenário de pandemia da Covid-19, a liberação dos créditos será realizada mediante aulas presenciais, portanto os alunos que não estiverem em atividades unicamente remotas devem aguardar notificação por e-mail informando sobre o primeiro carregamento de seu cartão”, concluiu Bassinim, na nota.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta