Justiça determina 50% de frota em Natal em greve de ônibus que deve continuar nesta quinta (20)

Atualmente, 30% dos ônibus estão em circulação

ADAMO BAZANI

O desembargador Eridson João Fernandes Medeiros, do Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte (TRT-RN), determinou nesta quarta-feira, 19 de janeiro de 2022, que a frota de ônibus em Natal seja de 50% durante a greve dos motoristas e demais funcionários do setor de transportes.

Atualmente, 30% dos ônibus estão em circulação.

A quantidade deve ser cumprida a partir desta quinta-feira (20), quando a greve deve continuar.

A decisão atende a recurso do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos (Seturn).

O Sindicato dos Rodoviários do Rio Grande do Norte (Sintro) afirmou que vai cumprir a determinação.

Como mostrou o Diário do Transporte, passageiros de ônibus em Natal foram pegos de surpresa nesta terça-feira, 18 de janeiro de 2022, por uma greve no transporte público.

Uma eventual paralisação tinha sido marcada para ocorrer na quarta-feira (19), mas um dia antes, os profissionais cruzaram os braços.

Os motoristas e demais funcionários dos transportes dizem que estão há dois anos sem reajuste nos salários e querem que o vale-alimentação volte para R$ 360. Por causa da pandemia, o valor foi reduzido pela metade, R$ 180.

As empresas de ônibus, por sua vez, dizem que a demanda de passageiros não foi plenamente recuperada e que não possuem condições de conceder reajuste aos funcionários.

As companhias ainda alegam que a situação não é pior por causa da diminuição de impostos como o ICMS e ISS.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2022/01/18/greve-de-onibus-em-natal-pega-passageiros-de-surpresa-nesta-terca-18/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Informe Publicitário
   
Assine
     
Comentários

Deixe uma resposta