EM PRIMEIRA MÃO: Grupo Itapemirim terá supressão e paralisação de 61 linhas/seções após solicitação à ANTT

Ônibus da Itapemirim

Há também decisões sobre as empresas Lopes Sul, Cidade do Aço, Catarinense, Águia Branca, Cometa, Roderotas, Consórcio Guanabara

ADAMO BAZANI

A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) atendeu pedido do Grupo Itapemirim para supressão ou paralisação de 61 linhas/seções/mercados de ônibus interestaduais registradas com a Viação Itapemirim e Viação Caiçara (Kaissara), esta última cuja marca fantasia não está sendo mais usada pelo grupo, mas na agência federal consta em situação ativa.

O Diário do Transporte traz publicação oficial desta quinta-feira, 30 de dezembro de 2021.

Na relação, há linhas consideradas importantes como Belo Horizonte (MG) – Recife (PE), Brasília (DF) – Maceió (AL), Cachoeiro de Itapemirim (ES) – Campos Dos Goytacazes (RJ), Recife (PE) – São Paulo (SP), Recife (PE) – Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) – João Pessoa (PB), Rio de Janeiro (RJ) – Feira de Santana (BA), entre tantas outra.

Vale ressaltar que entre estas 61 linhas/mercados/seções algumas não estavam mais operando, mas havia várias na ativa.

Além disso, em alguns casos, houve cancelamento de categorias de serviço, o que não tira a importância da publicação oficial.

O Grupo Itapemirim, em recuperação judicial desde março de 2016 e com débitos que se aproximam de R$ 2 bilhões, ganhou destaque nacional ao paralisar todas as operações da ITA (Itapemirim Transportes Aéreos) em 17 de dezembro de 2021, empresa de aviação fundada pelo atual dono da Itapemirim, Sidnei Piva de Jesus

A supressões e paralisações de linhas estão autorizadas a entrar em vigor a partir de 27 de janeiro de 2022, de acordo com a publicação oficial consultada pelo Diário do Transporte

A reportagem procurou ainda na manhã o Grupo Itapemirim por meio da assessoria de imprensa que informou que a medida é para reduzir custos e maximizar lucros

O Grupo Itapemirim esclarece que apresentou recentemente um plano de reestruturação logístico e operacional, com o objetivo de reduzir custos e maximizar os resultados financeiros em suas rotas de longa distância. Adicionalmente, informamos que as operações rodoviárias do Grupo Itapemirim seguem de forma normal, com cobertura em mais de 2.700 destinos no Brasil e com o mesmo nível de segurança, serviço e eficiência operacional característicos da Viação Itapemirim.

A Itapemirim diz ainda que a “empresa continua com todos os mercados, pois tem sessão em todas as linhas suprimidas”. Segundo a companhia, “a medida trará rentabilidade para empresa, pois vai utilizar todas as linhas com outras no mesmo sentido e percurso”

Há também decisões sobre as empresas Lopes Sul, Cidade do Aço, Catarinense, Águia Branca, Cometa, Roderotas, Consórcio Guanabara

Veja abaixo:

Itapemirim:

Deferir o pedido da empresa VIAÇÃO ITAPEMIRIM S.A, CNPJ nº 27.175.975/0001-07, para a supressão das linhas abaixo listadas, em cumprimento ao art. 16 da Resolução nº 5.285, de 9 de fevereiro de 2017:

I – AREIA (PB) – RECIFE (PE), prefixo nº 13-0023-00;

II – BELO HORIZONTE (MG) – RECIFE (PE), prefixo nº 06-0334-00;

III – BRASÍLIA (DF) – MACEIÓ (AL), prefixo nº 12-0166-00;

IV – CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM (ES) – CAMPOS DOS GOYTACAZES (RJ), prefixo nº 17-0105-00; V – CALDAS NOVAS (GO) – MACEIÓ (AL) prefixo nº 12-0167-00

VI – FEIRA DE SANTANA (BA) – FORTALEZA (CE), prefixo nº 05-0143-00;

VII – RECIFE (PE) – BARRA DO GARÇAS (MT), prefixo nº 04-0030-00;

VIII – RECIFE (PE) – CURITIBA (PR), prefixo nº 04-0036-00,

IX – RECIFE (PE) – FOZ DO IGUAÇU (PR) prefixo nº 04-0037-00;

X – RECIFE (PE) – RIO DE JANEIRO (RJ), prefixo nº 04-0033-00;

XI – RECIFE (PE) – SÃO PAULO (SP), prefixo nº 04-0034-00

XII – RIO DE JANEIRO (RJ) – TERESINA (PI), prefixo nº 07-0109-00;

XIII – SALVADOR (BA) – SOBRAL (CE), prefixo nº 05-0145-00;

XIV – SÃO PAULO (SP) – JOÃO PESSOA (PB), prefixo nº 08-0087-00;

XV – SÃO PAULO (SP) – SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE (PE), prefixo nº 08-0094-00 e XVI – TERESINA (PI) – BELÉM (PA), prefixo nº 18-0005-00.

Autorizar a paralisação dos mercados a seguir, na Licença Operacional – LOP de número 145, em cumprimento ao § 1º do art. 45 da Resolução nº 4.770, de 25 de junho de 2015:

I – De: AREIA (PB) para: RECIFE (PE) e GOIANA (PE);

II – De: GUARABIRA (PB) para: GOIANA (PE);

III – De: ITAOBIM (MG) e JEQUIÉ (BA) para: MACEIÓ (AL) e RECIFE (PE);

IV – De: CACHOEIRO DO ITAPEMIRIM (ES), ITAPEMIRIM (ES), ATÍLIO VIVÁCQUA (ES) e MIMOSO DO SUL (ES) para: CAMPOS DOS GOYTACAZES (RJ);

V – De: CALDAS NOVAS (GO) para: MACEIÓ (AL) e ARACAJU (SE);

VI – De: FEIRA DE SANTANA (BA) para: CABROBÓ (PE), SALGUEIRO (PE), ICÓ (CE), JAGUARIBE (CE) e RUSSAS (CE);

VII – De: CAPIM GROSSO (BA) para: ICÓ (CE), JAGUARIBE (CE), RUSSAS (CE) e FORTALEZA (CE); VIII – De: PETROLINA (PE) para: ICÓ (CE) e RUSSAS (CE);

IX – De: CABROBO (PE) para: ICÓ (CE), RUSSAS (CE) e FORTALEZA (CE);

X – De: RECIFE (PE), MACEIÓ (AL), PROPRIÁ (SE), ARACAJU (SE), ESTÂNCIA (SE) e ALAGOINHAS (BA) para: BARRA DO GARÇAS (MT);

XI – De: RECIFE (PE), MACEIÓ (AL), ARACAJU (SE), FEIRA DE SANTANA (BA), ITABUNA (BA), EUNÁPOLIS (BA), TEIXEIRA DE FREITAS (BA) e SÃO MATEUS (ES) para: CURITIBA (PR);

XII – De: RECIFE (PE) para: FOZ DO IGUAÇU (PR), EUNÁPOLIS (BA) e CURITIBA (PR);

XIII – De: ARACAJU (SE), ITABUNA (BA), EUNAPOLIS (BA) e TEIXEIRA DE FREITAS (BA) para: CURITIBA (PR) e FOZ DO IGUAÇU (PR);

XIV – De: SÃO MATEUS (ES) e LINHARES (ES) para: CURITIBA (PR), GUARAPUAVA (PR), CASCAVEL (PR) e FOZ DO IGUAÇU (PR);

XV – De: VITORIA (ES) e CAMPOS DOS GOYTACAZES (RJ) para: GUARAPUAVA (PR), CASCAVEL (PR) e FOZ DO IGUAÇU (PR);

XVI – De: RECIFE (PE) para: RIO DE JANEIRO (RJ) e SÃO PAULO (SP);

XVII – De: SALVADOR (BA) para: SOBRAL (CE);

XVIII – De: SÃO PAULO (SP) para: SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE (PE).

Caiçara

Deferir o pedido da empresa VIAÇÃO CAIÇARA LTDA, CNPJ nº 11.047.649/0001-84, para a supressão das linhas a seguir, em cumprimento ao art. 16 da Resolução nº 5.285, de 9 de fevereiro de 2017:

I – ALEGRE (ES) – RIO DE JANEIRO (RJ), prefixo nº 17-00027-00;

II – ALEGRE (ES) – SÃO PAULO (SP), prefixo nº 17-0016-00;

III – CACHOEIRO DO ITAPEMIRIM (ES) – CAMPOS DOS GOYTACAZES (RJ), prefixo nº 17-0031-00; IV – GUAÇUI (ES) – RIO DE JANEIRO (RJ), prefixo nº 17-0024-00;

V – JUIZ DE FORA (MG) – BRASÍLIA (DF), prefixo nº 06-0058-00;

VI – JUNDIAÍ (SP) – CURITIBA (PR), prefixo nº 08-0132-00;

VII – MUQUI (ES) – CAMPOS DOS GOYTACAZES (RJ), prefixo nº 17-0015-00;

VIII – RIO DE JANEIRO(RJ) – ANÁPOLIS (GO), prefixo nº 07-0133-00;

IX – RIO DE JANEIRO (RJ) – FEIRA DE SANTANA (BA), prefixo nº 07-0130- 00;

X – SÃO JOÃO DA BARRA (RJ) – BELO HORIZONTE (MG) prefixo nº 07-0134-00 ;

XI – SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP) – ITAOBIM (MG) prefixo nº 08-0146-00 e

XII – SÃO PAULO (SP) – MURIAÉ (MG) prefixo nº 08-0150-00.

Autorizar a paralisação dos mercados a seguir, na Licença Operacional – LOP de número 82, em cumprimento ao § 1º do art. 45 da Resolução nº 4.770, de 25 de junho de 2015:

I – De: ALEGRE (ES) para: ITAPERUNA (RJ), VOLTA REDONDA (RJ), TAUBATÉ (SP) e SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP);

II – De: GUAÇUI (ES) para: APARECIDA (SP) e SÃO PAULO (SP);

III – De: ITAPERUNA (RJ) para: APARECIDA (SP) e SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP);

IV – De: SAPUCAINHA (MG) para: SÃO PAULO (SP);

V – De: MURIAÉ (MG) para: SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP);

VI – De: ATÍLIO VIVÁCQUA (ES) para: CAMPOS DOS GOYTACAZES (RJ);

VII – De: SANTOS DUMONT (MG) e CONSELHEIRO LAFAIETE (MG) para: BRASÍLIA (DF);

VIII – De: JUNDIAÍ (SP) para: CURITIBA (PR);

IX – RIO DE JANEIRO (RJ) para: ANÁPOLIS (GO) e CRISTALINA (GO);

X – De: PETRÓPOLIS (RJ) para: JOÃO PINHEIRO (MG), PARACATU (MG), CRISTALINA (GO), LUZIÂNIA (GO), VALPARAÍSO DE GOIÁS (GO) e ANÁPOLIS (GO);

XI- De: JUIZ DE FORA (MG) e BARBACENA (MG) para: CRISTALINA (GO), LUZIÂNIA (GO), VALPARAÍSO DE GOIÁS (GO) e ANÁPOLIS (GO),

XII – De: TRÊS MARIAS (MG), JOÃO PINHEIRO (MG) e PARACATU (MG) para: ANÁPOLIS (GO); XIII – De: RIO DE JANEIRO (RJ) para: MILAGRES (BA) e SANTO ESTEVÃO ( BA ) ;

XIV – De: LEOPOLDINA (MG), CARATINGA (MG), GOVERNADOR VALADARES (MG), TEOFILO OTONI (MG) e MEDINA (MG) para: SANTO ESTEVÃO (BA) e FEIRA DE SANTANA (BA);

XV – De: SÃO JOÃO DA BARRA (RJ) para: BELO HORIZONTE (MG), MURIAÉ (MG), BARBACENA (MG) e CONSELHEIRO LAFAIETE (MG); e

XVI – De: SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP) e BARRA MANSA (RJ) para: ITAOBIM (MG).

OUTRAS EMPRESAS:

A ANTT trouxe também nesta quinta-feira, 30 de dezembro de 2021, resposta a pedidos de outras empresas.

– Lopes Sul (LOPES E OLIVEIRA TRANSPORTES E TURISMO LTDA)

Indeferir o pedido da empresa LOPES E OLIVEIRA TRANSPORTES E TURISMO LTDA, CNPJ nº 05.423.509/0001-60, para realizar operação simultânea das linhas interestaduais VÁRZEA GRANDE (MT) – SÃO PAULO (SP), prefixos 11-0053-00 e 11-0053-61, e SINOP (MT) – JUNDIAÍ (SP), prefixos 11-0057-00 e 11-0057-61.

– CIDADE DO AÇO:

Deferir o pedido da empresa VIAÇÃO CIDADE DO AÇO LTDA, CNPJ nº 28.670.958/0001-09, para realizar operação simultânea das linhas interestaduais RIO DE JANEIRO (RJ) – CRUZEIRO (SP), prefixo 07-0015-00 e VOLTA REDONDA (RJ) – CRUZEIRO (SP), prefixo nº 07-0017-00, no trecho de VOLTA REDONDA (RJ) para CRUZEIRO(SP)

– CATARINENSE:

Deferir o pedido da empresa AUTO VIACAO CATARINENSE LTDA, CNPJ nº 82.647.884/0001-35, para a implantação da linha CURITIBA (PR) – PORTO ALEGRE (RS), prefixo 09-0525-60. Art. 2º Deferir o pedido da empresa para a implantação do terminal “Aeroporto Internacional Afonso Pena”, como terminal adicional na linha CURITIBA (PR) – PORTO ALEGRE (RS), prefixo 09-0525-60.

Deferir o pedido da empresa AUTO VIAÇÃO CATARINENSE LTDA, CNPJ nº 82.647.884/0001-35, para a implantação da linha CURITIBA (PR) – JARAGUÁ DO SUL (SC), prefixo nº 09-0361-00 com os mercados de: CURITIBA (PR) para: JOINVILLE (SC) e GUARAMIRIM (SC) como seções.

– ÁGUIA BRANCA:

Deferir o pedido da empresa VIAÇÃO ÁGUIA BRANCA S/A, CNPJ nº 27.486.182/0001-09, para a implantação dos mercados a seguir como seções da linha SÃO MATEUS (ES) – NANUQUE (MG), prefixo 17-0061-00: I – De: SÃO MATEUS (ES), CONCEIÇÃO DA BARRA (ES), PEDRO CANÁRIO (ES) e NANUQUE (ES) Para: MUCURI (BA)

Deferir o pedido da empresa VIAÇÃO ÁGUIA BRANCA S/A, CNPJ nº 27.486.182/0001-09, para a implantação dos mercados a seguir como seções da linha VITÓRIA (ES) – TEÓFILO OTONI (MG), prefixo 17-0037-60: I – De: VITÓRIA (ES), LINHARES (ES) e SÃO MATEUS (ES) Para: MUCURI (BA); II – De: LINHARES (ES) e SÃO MATEUS (ES) Para: NANUQUE (MG); e III – De: VITÓRIA (ES), LINHARES (ES), SÃO MATEUS (ES) e CARLOS CHAGAS Para: NOVA VIÇOSA (BA)

Deferir o pedido da empresa VIAÇÃO ÁGUIA BRANCA S/A, CNPJ nº 27.486.182/0001-09, para a implantação dos mercados a seguir como seções da linha VITÓRIA (ES) – NANUQUE (MG), prefixo nº 17-0042-60: I – De: VITÓRIA (ES), JOÃO NEIVA (ES), LINHARES (ES), SÃO MATEUS (ES), PEDRO CANÁRIO (ES) e NANUQUE (MG) para: MUCURI (BA); II – De: LINHARES (ES) e PEDRO CANÁRIO (ES) para: NOVA VIÇOSA (BA).

Deferir o pedido da empresa CONSÓRCIO GUANABARA DE TRANSPORTES, CNPJ nº 23.542.573/0001-42, para a supressão da linha RIO DE JANEIRO (RJ) – MOGI DAS CRUZES (SP), prefixo nº 07-0206-60. Art. 2º Deferir o pedido da empresa CONSÓRCIO GUANABARA DE TRANSPORTES, CNPJ nº 23.542.573/0001-42, para a implantação da linha RIO DE JANEIRO (RJ) – MOGI DAS CRUZES (SP), prefixo nº 07-0206-00, com os mercados de RIO DE JANEIRO (RJ) e RESENDE (RJ) para MOGI DAS CRUZES (SP), TAUBATÉ (SP) e SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP) como seções.

COMETA:

Indeferir o pedido da empresa VIAÇÃO COMETA S/A, CNPJ nº 61.084.018/0001-03, para a implantação do mercado de BELO HORIZONTE (MG) para SÃO PAULO (SP) como seção da linha CAMPINAS (SP) – BELO HORIZONTE (MG), prefixo 08-0330- 30, por inobservância ao disposto no art. 9º da Resolução nº 5.285/2017.

RODEROTAS:

Deferir o pedido da empresa ROTAS DE VIAÇÃO DO TRIÂNGULO LTDA, CNPJ nº 18.449.504/0001-59, para a implantação dos mercados de: IGARA P AV A (SP) para: UBERLÂNDIA (MG) e UBERABA (MG) como seções da linha ITUIUTABA (MG) – SÃO PAULO (SP), prefixo 06-0196-00.

CONSÓRCIO GUANABARA:

Deferir o pedido da empresa CONSÓRCIO GUANABARA DE TRANSPORTES, CNPJ nº 23.542.573/0001-42, para a implantação dos mercados de: SANTOS DUMONT (MG) para: VOLTA REDONDA (RJ) e BARRA MANSA (RJ) como seções da linha BELO HORIZONTE (MG) – RESENDE (RJ), prefixo 06-0248-60.

Deferir o pedido da empresa CONSÓRCIO GUANABARA DE TRANSPORTES, CNPJ nº 23.542.573/0001-42, para a implantação da linha BRASÍLIA (DF) – RIO DE JANEIRO (RJ), prefixo 12-0644-60, com os mercados a seguir como seções: I – De: RIO DE JANEIRO (RJ) Para: JOÃO PINHEIRO (MG), JUIZ DE FORA (MG), PARACATU (MG) e VALPARAÍSO DE GOIÁS (GO); II – De: JUIZ DE FORA (MG) Para: BRASÍLIA (DF) e VALPARAÍSO DE GOIÁS (GO); III – De: PETRÓPOLIS (RJ) Para: BRASÍLIA (DF), JOÃO PINHEIRO (MG), PARACATU (MG) e VALPARAÍSO DE GOIÁS (GO).

Veja as portarias:

 

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Paulo Elias Pires Viana disse:

    KKK acabou praticamente todas as linhas da minha querida Itapemirim.

  2. DeSouza disse:

    No início deste ano comentávamos aqui sobre o pedido de dezenas de linhas novas para ITAPEMIRIM e criticávamos que estavam todos mal feitos, demonstrando falta de planejamento e a má gestão. Essa é realidade sobre o que o Mr Piva acha de si mesmo: uma piada de mau gosto. Acaba de enterrar a maior e mais revolucionária empresa de transporte rodoviário que o Brasil já teve, unindo-o de norte a sul, e até com a implantação de pontos de parada onde nada havia (rede FLECHA).
    Se já não tinha como pagar seus credores, agora acaba de liquidar com as fontes de receita.
    Mr Piva está amealhando seus parcos recursos para capitalizar seu sonho capitalista no Reino Unido.
    E desafia, como personagem de Leonardo Di Caprio em filme conhecido: *Pegue-me, se for capaz!*

  3. Robert disse:

    Mais gente desempregado neste pais, impressionante como a populacao absorve tudo isso com a maior naturalidade…..lastimavel!!!!!

  4. Se eu não me engano, algumas linhas e mercados ja estavam parados. Alguns ha anos e outros após a pandemia, e outros só existiam no papel. Um exemplo disso é a Rio -Feira de Santana há uns 10 anos nao vejo rodando. Essa linha virou sessão da Rio – Salvador, Alegre – São Paulo (via Muriaé) eu nunca vi rodando. Cachoeiro ES -Campos RJ virou sessão da Cachoeiro -Rio (eu acho), mas Deixar de fazer Rio -Recife, São Paulo -Recife , São Paulo Campina Grande é doideira pura.A Guanabara e outras empresas vao deitar e rolar. Que fim patético pra um grande nome.

  5. Luciano disse:

    Essa empresa precisa fechar as portas infelizmente já deu oque tinha que dar…
    Devendo 2 bilhões…
    Perdeu toda sua credibilidade…

  6. Isaac Ramos disse:

    Ainda bem os ônibus da Itapemirim rota Pernambuco ao distrito federal é um lixo , tanto na parte dos ônibus velhos e sem nem um conforto , fora que os motoristas que roda durante a madrugada são muito inresponsavel ultrapassagem perigosa , acima da velocidade da via fora outros relatos,…
    Fora que os preços das passagens são abusivos para tais ônibus rodando pelas rodovias interestaduais muito caro para pouca segurança e conforto…
    Já cheguei eu e meu irmão viajando de Pernambuco para o distrito federal a lava o banheiro que estava muito sujo porque o motorista disse que NN iria parar para fazer a limpeza em um dos posto que eles para ,para fazer a troca de motorista. Muita falta de respeito com o condomínio , fora que em feira de Santana BA , a garagem é um lixo aparte banheiro sujo demais muito desagradável …
    Mais fazer o que se era a única opção saindo de Petrolândia Pe vindo para o Df ….

  7. carlos souza disse:

    Por falar em filme,isso me fez lembrar de outros dois filmes americanos,ambos com o saudoso Burt Reynolds.”Agarra-me se puderes” porque pegar esse gângster está cada vez mais difícil, e “Desta vez te agarro”,mas aí no caso o gângster chamado Sidnei Piva está ferrado.KKKK.Já nas versões originais,o personagem de Reynolds é um contrabandista que deixa o xerife da cidade e seu assistente idiota,o filho dele,comendo asfalto,terra e sabe-se lá o que.

  8. Tiago Cardoso disse:

    Crise sem fim. Já dura o que, uma década? Dessa vez por causa da repercussão nacional, acho que, a melhor chance que a empresa tem de resistir é humildemente se tornar mais enxuta em termos gerais por um bom tempo, se reestruturar e só depois pensar em crescer como empresa grande novamente. É isso, ou vai acabar parando em definitivo.

  9. Tiago Cardoso disse:

    E como estão os antigos proprietários, família Cola, diante de tudo isso?

  10. Antonio Numes disse:

    Povo se desespera kkkk gente ela excluiu mercados que não estavam em operação e seções que economicamente não estava trazendo retorno. O texto do texto está incorreto visto que incluiu seções de linha como se fosse linhas separadamente e o número parece ser bem maior. o filé mignon ainda continua com ela

Deixe uma resposta