Porto Velho (RO) prorroga tarifa de R$ 3 até junho com novo decreto

Tarifa especial é válida apenas para passageiros que utilizam o cartão. Foto: Wesley Pontes / Divulgação.

Pela proposta inicial, passagem voltaria a R$ 4,05 no dia 1º

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Porto Velho (RO) informou que, no próximo sábado, 1º de janeiro de 2022, vai prorrogar a tarifa social do transporte coletivo, que está em R$ 3.

Com um novo decreto, o valor fica vigente até junho de 2022. Pela proposta inicial, a passagem voltaria a custar R$ 4,05 no dia 1º de janeiro.

Entretanto, o valor é válido aos passageiros que possuem o cartão COM Card. Para quem não possui o cartão, o custo da passagem continua a ser de R$ 4,05, preço normal sem o subsídio.

A nova tarifa permanecerá vigente até o dia 30 de junho de 2022, quando termina o prazo estabelecido no Decreto nº 16.958, de 07 de outubro de 2020, que impôs o regime tarifário especial do serviço essencial de transporte coletivo na capital em decorrência dos critérios de enfrentamento à covid-19.

De acordo com a determinação, a nova regra leva em consideração o Art. 1º da Lei nº 2.898, de 16 de dezembro de 2021, que autoriza a concessão de subsídio tarifário em todo o território municipal, e do §1º, do mesmo artigo, que diminui ou isenta a tarifa pública como forma de incentivo e promoção à utilização do transporte coletivo.

A nova medida foi decretada pela Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Geral de Governo, conforme publicado no Diário Oficial dos Municípios, na última quinta-feira (23).

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta