Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias apoia campanha de exame toxicológico obrigatório para motoristas profissionais

Ação terá apoio da CCR, e acontecerá em todas as rodovias do país administradas pelo Grupo neste mês de dezembro

ALEXANDRE  PELEGI

Reforçar a importância e obrigatoriedade de o motorista profissional das categorias C, D e E realizar o exame toxicológico neste mês de dezembro de 2021 é o mote de uma campanha promovida pela Associação Brasileira de Concessionária de Rodovias (ABCR) e da Associação Brasileira de Toxicologia (ABTox).

A ação tem o apoio da CCR ViaOeste e CCR RodoAnel, e ocorrerá no Sistema Castello-Raposo e no trecho oeste do Rodoanel, além de em outras rodovias do país administradas pelo Grupo CCR.

Levantamento da ABTox estima que mais de um milhão de motoristas profissionais ou estão com o exame toxicológico vencido ou não fizeram.

O exame toxicológico é obrigatório para a renovação da carteira de habilitação.

O artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) dispõe que dirigir após 30 dias do vencimento do exame toxicológico é considerado infração gravíssima, com multa de R$ 1.467,35 e suspensão do direito de dirigir por três meses, contados a partir da apresentação do resultado negativo para o uso de substâncias psicoativas.

Os motoristas obrigados a realizar o exame são aqueles que conduzem caminhões e ônibus (transportes de passageiros), conforme as categorias de habilitação enquadrados.

Quando o resultado do teste apresenta resultado negativo, a situação do condutor é atualizada automaticamente com a publicação do laudo no Registro Nacional de Condutores Habilitados (RENACH).

A ação consistirá na distribuição de folhetos nas cabines das praças de pedágio do Sistema Castello-Raposo e trecho oeste do Rodoanel, com orientações de como o motorista deve proceder para realizar o exame.

Os painéis de mensagens variáveis também reforçarão a orientação.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta