Vendas de ônibus usados crescem 31,81% em todo País de janeiro a novembro, diz Fenabrave

Necessidade de renovação mesmo em crise e fechamento de empresas de ônibus estão entre os fatores

ADAMO BAZANI

As vendas de ônibus usados no Brasil registraram alta de 31,81% no acumulado entre janeiro e novembro de 2021 na comparação com o mesmo período de 2020.

Os dados são da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), entidade que reúne revendedores e concessionários de veículos de todo o País.

De acordo com o levantamento, foram comercializados neste período, 39.109 ônibus usados ante 29.671 de janeiro a novembro de 2020.

O volume de coletivos usados comercializados sempre foi maior que o de novos.

Para ter uma ideia, como mostrou o Diário do Transporte, entre janeiro e novembro de 2021 foram 16.229 unidades emplacadas, queda de 2,63%, em relação ao mesmo período de 2020.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2021/12/02/emplacamentos-de-onibus-acumulam-queda-de-263-de-janeiro-a-novembro/

A necessidade de renovação de frota mesmo em crise, fechamento de empresas de ônibus e o alto valor dos coletivos zero quilômetro estão entre os fatores que ajudam a explicar o cenário.

Por causa do fim de atuação de muitas empresas em decorrência dos impactos econômicos gerados pela pandemia de covid-19, aumentou a oferta de ônibus seminovos bons, com baixa quilometragem e com preços competitivos.

De acordo com o levantamento, no recorte entre os meses de novembro de 2021, com 3.803 ônibus usados vendidos, e novembro de 2020 que havia registrado 3.114 vendas, a alta foi de 22,13%.

Já entre outubro de 2021 e novembro de 2021, o mercado de usados registrou queda de 4,78%, com 3.803 unidades em novembro e 3.994 em outubro.

MARCAS:

O ranking de marcas no mercado de usados é bem semelhante ao do mercado de ônibus zero quilômetro, com Mercedes-Benz liderando tendo 57,14% de participação, seguida de Volkswagen-MAN com 16,49% e, em terceiro, Marcopolo, por causa dos micro-ônibus Volare que são vendidos montados, respondendo por 11,91%

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta