Mogi das Cruzes (SP) abre consultas para modernização do transporte coletivo

Passageiros participarão de estudos que visam modernizar o sistema de transporte de ônibus da cidade; opiniões serão registradas pela internet

ALEXANDRE PELEGI

A Prefeitura de Mogi das Cruzes começou nesta quinta-feira, 09 de dezembro de 2021, consultas do programa Participa Mogi Mobilidade.

Os dados colhidos com os moradores serão parte dos estudos para a modernização e melhoria do sistema de transporte coletivo na cidade.

Os moradores podem participar por meio do site participa.mogidascruzes.sp.gov.br ou no link disponível na página oficial da prefeitura.

A prefeitura informa que o trabalho tem foco principal no atendimento de transporte das regiões de Biritiba Ussú, Sabaúna, Cocuera, Taiaçupeba e Conjunto Nova Bertioga, que já tiveram as apresentações à população das melhorias previstas nos estudos, além do Botujuru.

Mesmo assim, os passageiros de todas as regiões da cidade podem dar suas contribuições, que formarão um banco de dados a ser utilizado na alteração de itinerários.

A secretaria municipal de Mobilidade Urbana, Cristiane Ayres, explicou a consulta: “O desenho do transporte coletivo em Mogi das Cruzes tem mais de 15 anos e está defasado, não acompanhou as mudanças da mobilidade das pessoas nos últimos anos. Com este estudo, o objetivo é modernizar o sistema, com a contribuição da população, que é quem utiliza o serviço todos os dias”.

COMO PARTICIPAR

O passageiro deve acessar o site do Participa Mogi e fazer o cadastro de seus dados. Na sequência, o acesso deve ser feito pelos links “Votações” e “Participa Mobilidade”. Neste momento, o internauta informará o seu bairro e escolherá a linha sobre a qual ele deseja opinar.

O usuário poderá escolher até três horários que mais utiliza em cada um dos sentidos. Estas escolhas podem ser de horários já existentes no trajeto ou de outros que o morador gostaria que fossem criados. Os dias da semana em que ele deseja a alteração também podem ser escolhidos.

“Com base nestes dados, será feita a definição sobre a implementação dos benefícios possíveis graças à modernização do sistema de transporte coletivo. Com ganho de eficiência das viagens, principalmente relacionados à redução de passagens pela região central, será feita a ampliação do atendimento nos bairros, de acordo com o interesse da população”, disse Cristiane Ayres.

A principal medida prevista no novo projeto de transporte para a cidade, informa Cristiane Ayres, é a redução do número de ônibus que passam pelo Centro da cidade.

A medida diminui o impacto do trânsito intenso da região sobre a circulação dos ônibus. Com isso, a previsão é que o ganho de tempo nas linhas possa chegar a até 40 minutos, considerando os dois sentidos de circulação dos ônibus.

Os benefícios e os detalhes das alterações estão sendo apresentados pela administração municipal às comunidades por meio do programa Participa Mogi Mobilidade.

O primeiro distrito a receber o encontro foi Biritiba Ussú, no dia 26 de outubro. Na sequência, foram realizadas reuniões em Sabaúna (dia 16/11), Cocuera (18/11), Taiaçupeba (23/11) e Conjunto Nova Bertioga (01/12). A reunião no Botujuru estava prevista para ser realizada nesta segunda-feira (06/12), mas precisou ser adiada e será reagendada.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta