Greve de ônibus afeta Palmas (TO) nesta segunda (27)

Segundo sindicato dos trabalhadores, reajuste salarial está em atraso

ADAMO BAZANI

Passageiros de ônibus em Palmas (TO) enfrentam dificuldades na manhã desta segunda-feira, 27 de setembro de 2021, por causa de uma greve de trabalhadores do sistema de transportes.

Apenas parte dos ônibus escalados está em operação e os passageiros relatam superlotação, demora acima do normal e até tumulto em pontos e estações.

O Simtromet (Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transportes Rodoviários e Operadores de Máquinas do Estado do Tocantins) diz que o reajuste salarial acordado no ano passado e que já deveria ter sido aplicado, não foi repassado ainda para os profissionais.

O Seturb, sindicato que representa as empresas de ônibus, alega prejuízos por causa da pandemia que diminuiu o número de passageiros e diz que a tarifa de ônibus está congelada em R$ 3,85, valor que seria insuficiente para custear os reajustes.

Já a prefeitura de Palmas diz que pagou subsídios às viações.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta