CPTM abre inscrições para Hackathon com foco em inovações para a mobilidade urbana

Todos os projetos vencedores podem ser executados pela CPTM. Foto: Divulgação.

Interessados podem se inscrever até 15 de outubro; evento terá como tema “Smart Stations in Smart Cities” e será realizado entre 22 e 24/10

JESSICA MARQUES

A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) vai promover um hackathon com o objetivo de reunir soluções que levem a empresa a adequar suas ações e propor inovações diante dos novos desafios para mobilidade urbana.

As inscrições já estão abertas e os interessados podem se inscrever até 15 de outubro de 2021. O evento terá como tema “Smart Stations in Smart Cities” e será realizado entre 22 e 24 de outubro, totalmente online.

No site https://ion.sp.gov.br/semana-de-inovacao.html é possível se inscrever e é onde também estarão disponíveis mais informações sobre a 1ª Semana de Inovação.

O evento permitirá que estudantes, profissionais e demais interessados, incluindo colaboradores da CPTM, desenvolvam soluções visando a sinergia entre as atividades da companhia e a nova realidade mundial, que inclui a pandemia de covid-19.

“As soluções que serão propostas pelos participantes do hackaton devem nos apoiar na tomada de decisão embasada em tecnologia e inovação. A CPTM é uma empresa inovadora, e esse evento mostra que estamos sempre abertos para novas possibilidades de melhorar a vida dos nossos 3 milhões de passageiros”, afirmou o presidente da CPTM, Pedro Moro.

PREMIAÇÃO

Durante as 48 horas de evento, serão realizadas lives com o objetivo de auxiliar os participantes no desenvolvimento das duas soluções. O primeiro, segundo e terceiro colocados receberão prêmios de, respectivamente, R$ 10 mil, R$ 5 mil e R$ 3 mil, pagos pelos patrocinadores do evento, escolhidos por meio de um chamamento público. Além disso, todos esses projetos vencedores podem ser executados pela CPTM.

O hackaton acontecerá no final da 1ª Semana de Inovação CPTM, que a partir de 19 de outubro terá, de forma remota, painéis com especialistas do mercado e de universidades, além de profissionais da própria empresa que discutirão o uso de novas ferramentas para que a companhia se consolide como referência em transporte público sobre trilhos no Brasil.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta