Após quase seis horas e meia, Linha 5-Lilás tem operação normalizada

Durante o horário de pico, os usuários se aglomeraram nas plataformas e entrada das estações, além dos trens. Foto: Hugo Lima/Reprodução Twitter.

Uma falha em equipamento de via deixou todos os trens funcionando com velocidade reduzida

WILLIAN MOREIRA

O atendimento aos passageiros da Linha 5-Lilás do Metrô de São Paulo foi prejudicado durante toda a manhã desta sexta-feira, 10 de setembro de 2021.

A linha, que é administrada pela concessionária ViaMobilidade, ficou pouco mais de seis horas e meia funcionando com velocidade reduzida e maior tempo de parada nas estações, desde as 04h40 até 12h25.

Durante o horário de pico, os usuários se aglomeraram nas plataformas e entrada das estações, além dos trens.

Já as equipes de manutenção se concentraram na região da estação Adolfo Pinheiro, foco do problema para solucionar a falha.

“A ViaMobilidade, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 5-Lilás de metrô de São Paulo, informa que a linha opera normalmente. Entre 4h40 e 12h25 desta sexta (10), a linha operou com velocidade reduzida e maior tempo de parada devido à falha de equipamento de via em Adolfo Pinheiro.”. diz a concessionária em nota.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta