Depois de mais de oito horas, terminal do BRT-Rio onde ônibus pegou fogo é reaberto

Causas do incêndio ainda são apuradas

ADAMO BAZANI

Depois de mais de oito horas, o Terminal Paulo da Portela, no corredor Transcarioca do BRT do Rio de Janeiro, voltou a operar integralmente por volta de 16h tanto para embarques como para desembarques em ambos os sentidos.

A informação é do BRT-Rio na tarde desta quarta-feira, 08 de setembro de 2021.

Com isso, os serviços 35A, 40A e 41 voltaram a partir deste Terminal.

Como mostrou o Diário do Transporte, antes das 8h, um ônibus articulado pegou fogo no local.

Não houve feridos.

Em nota à reportagem, o BRT-Rio informou que as causas estão sendo apuradas.

A Prefeitura do Rio, por meio do BRT Rio, informa que o Terminal Paulo da Portela foi reaberto por volta das 16h. O local tinha sido fechado após o incêndio em um articulado esta manhã e o embarque e desembarque de passageiros estavam sendo feitos na estação Manaceia.

O BRT estava vazio, os passageiros já haviam desembarcado, quando o motorista percebeu a fumaça. Não houve feridos nem danos à estrutura do terminal.

O veículo não tinha histórico de quebras e suas revisões preventivas e corretivas foram realizadas nos últimos 30 dias, conforme procedimentos e especificações técnicas. O BRT Rio contratou uma perícia técnica independente para apurar as causas do incêndio.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Informe Publicitário
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta