Barreira sanitária impede a entrada de 14 vans em Santos (SP) durante o feriadão

Motoristas tiveram que retornar aos locais de origem porque não possuíam cadastramento. Foto: Divulgação / Raimundo Rosa.

Segundo a fiscalização da Prefeitura, situação dos veículos era irregular

JESSICA MARQUES

A barreira sanitária montada pela Prefeitura de Santos, no Litoral Paulista, impediu a entrada de 14 vans na cidade durante o feriado prolongado.

Segundo a administração municipal, desde as primeiras horas do sábado (04), primeiro dia do feriadão, veículos foram abordados na barreira sanitária montada pela Prefeitura de Santos para fiscalizar a chegada de ônibus e vans de viagem.

A operação transcorreu até esta terça (07), sempre entre 3h e 10h, na entrada da Cidade (Saboó), totalizando 16 veículos abordados.

Destes, 14 tiveram que retornar aos locais de origem porque não possuíam cadastramento.

“O objetivo da ação era assegurar se os turistas estavam com reserva de hospedagem e checar o cadastro prévio obrigatório na Secretaria de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo (Seectur). Apenas duas, das 16 vans identificadas, cumpriram esse pré-requisito e foram autorizadas a entrar em Santos. A barreira sanitária foi organizada pela Seectur e contou com apoio da Guarda Municipal, Polícia Militar e Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Santos)”, informou a Prefeitura, em nota.

A Prefeitura pede a colaboração de turistas e da população para que sigam as regras vigentes para o enfrentamento da pandemia, como o uso de máscara facial, a higienização das mãos com álcool em gel ou sabão e evitem aglomerações.

Denúncias de irregularidades podem ser feitas pelos telefones 153 (GCM), 162 (Ouvidoria) e 190 (Polícia MIlitar), no caso de grandes aglomerações.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Deixe uma resposta