Manifestações na Paulista e Vale do Anhangabaú começam a se dispersar e Metrô indica melhores estações no momento

Apoiadores do presidente começam a deixar a avenida após discurso, mas ainda há vários manifestantes no local

ADAMO BAZANI

Colaborou Willian Moreira

Uma parte dos manifestantes em favor do Governo Federal começou a deixar a Avenida Paulista logo após o discurso do presidente Jair Bolsonaro por volta de 16h30.

O local ainda tem diversos apoiadores, mas o número de participantes está diminuindo.

A Polícia Militar monitora para que os grupos não se encontrem com manifestantes contra o Governo Federal, que se concentram na região do Vale do Anhangabaú, no centro.

O Metrô de São Paulo aponta a estação Paraíso da linha 2-Verde como no momento (por volta de 17h) para embarque de volta.

A estação Trianon/Masp permanece fechada assim como os desvios nos itinerários de ônibus nas duas regiões de manifestação.

No Vale do Anhangabaú, no centro, a manifestação contra o presidente também começa a ter dispersão de forma gradual por volta das 17h. As pessoas que protestam no local devem utilizar a estação São Bento da Linha 1-Azul para ir embora após a dispersão.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Colaborou Willian Moreira

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta