Artesp aumenta valor de passagens de ônibus intermunicipais no Estado de SP

Um rodoviário e um suburbano juntos

Bases tarifárias foram reajustadas em 10% para linhas rodoviárias e em 15% para linhas suburbanas; novos preços vigoram a partir da próxima quinta-feira, 09 de setembro

ALEXANDRE PELEGI

Em portaria publicada na edição desta quinta-feira, 02 de setembro de 2021, a Artesp, agência que regula os transportes no Estado de São Paulo, reajustou os preços das passagens para os ônibus intermunicipais.

Os novos valores passam a vigorar a partir da próxima quinta-feira, 9 de setembro­.

As bases tarifárias foram reajustadas em 10% para os serviços de característica rodoviária e em 15% para os serviços de característica suburbana.

Os ônibus rodoviários são aqueles de bancos reclináveis, bagageiros e com uma porta de acesso.

Já os suburbanos são veículos de características de urbanos, como catracas, duas portas ou mais, sem bagageiro e que o passageiro pode viajar em pé, ligando as diferentes cidades, mas fora de áreas metropolitanas gerenciadas pela EMTU.

Ainda de acordo com a Portaria, a Artesp determina que a frota do sistema do serviço regular de transporte coletivo deverá se manter com a idade média de no máximo cinco anos para os veículos tipo rodoviário e sete anos para os veículos tipo urbano.

Por meio de nota, a Artesp cita os impactos da inflação

A Artesp informa que postergou os reajustes por mais de um ano e meio, por causa da pandemia. Contudo, eles são necessários a partir de 9 de setembro por causa das atuais altas no preço de insumos, em especial o diesel, que é impactado pelo dólar acima de R$ 5,10, e da inflação descontrolada de 9,3%, com impacto direto nos custos operacionais do Sistema de Transporte Intermunicipal de Passageiros do Estado de São Paulo. Os aumentos expressivos representariam a necessidade de reajuste de mais de 60% ao usuário final, mas os repasses serão menores aos usuários: reajuste de 10% para as linhas rodoviárias e 15% das suburbanas. O aumento não inclui as linhas que operam dentro das regiões metropolitanas, por serem regulamentadas pela Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU).

Veja a íntegra da Portaria:


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

  1. carlos souza disse:

    Mais uma pra forrar os cofres e bolsos do sistema criminoso e assassino moral e sustentar políticos vagabundos e empresários mercenários e outros criminosos.E o povo que se phyodhy@.PEGA LADRÕES!

  2. João disse:

    Kkkkkk vai doria enfia gostoso pros patetas por a culpa no presidente

Deixe uma resposta