Gontijo é autorizada pela ANTT a implantar a linha Guarapari (ES)-Ipatinga (MG) via Cachoeiro

Foto: Ailton da Costa Silva / Ônibus Brasil

Consórcio Guanabara é autorizada pela Agência a suprimir e implantar seções e mercados

ALEXANDRE PELEGI

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 01 de setembro de 2021, algumas decisões relativas a pedidos de apenas duas empresas de transporte interestadual de passageiros: a Gontijo e a Consórcio Guanabara.

Veja a seguir:

 

No caso da Consórcio Guanabara de Transportes, que em seu quadro societário é constituída pelas empresas Util e Sampaio:

Decisão Supas nº 490: Deferido o pedido para a supressão da seção SANTOS DUMONT (MG) – BARRA MANSA (RJ) da linha BELO HORIZONTE (MG) – RESENDE (RJ), prefixo 06-0248-60.

Decisão Supas nº 492: Deferido pedido para a supressão dos mercados de JUIZ DE FORA (MG) para: BRASILIA (DF), VALPARAISO DE GOIAS (GO) e RIO DE JANEIRO (RJ), operados como seções da linha BRASILIA(DF) – RIO DE JANEIRO(RJ) – VIA BELO HORIZONTE, prefixo nº 12-0589-00.

Decisão Supas nº 493: Deferido o pedido para a implantação do mercado de RESENDE (RJ) para MOGI DAS CRUZES (SP) como seção da linha BELO HORIZONTE (MG) – SÃO BERNARDO DO CAMPO (SP), prefixo nº 06-0275-00.

 

No caso da Empresa Gontijo de Transportes Ltda:

Decisão Supas nº 491: Deferido pedido da para a implantação da linha GUARAPARI (ES) – IPATINGA (MG) via CACHOEIRO DO ITAPEMIRIM (ES), prefixo 17-0125-00 com os mercados a seguir como seções:

I – De: GUARAPARI (ES) para: IPATINGA(MG), CARATINGA (MG), INHAPIM (MG) e MANHUACU (MG);

II – De: MANHUACU (MG) e MANHUMIRIM (MG) para: CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM (ES) e MARATAIZES (ES).

 

 

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Informe Publicitário
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Deixe uma resposta