Sete novas praças de pedágio iniciam a operação em rodovias paulistas

Concessionária administradora destas vias colocará em prática um sistema de desconto progressivo para quem utiliza com frequência essas rodovias

WILLIAN MOREIRA

A concessionária Eixo SP iniciou nesta quinta-feira, 12 de agosto de 2021, o funcionamento de sete novas praças de pedágio em rodovias localizadas no interior de São Paulo.

Segundo a concessionária Eixo-SP, estes pedágios estão localizados na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP 294), entre os quilômetros 367 e 368 na cidade de Piratininga, entre os quilômetros 425 e 426 em  Garça, no município de Pacaembu no Km 623 e em Santa Mercedes entre os quilômetros 670 e 671.

Outras três rodovias recebem novas praças, sendo elas a SP 293 – Lourenço Louzano no km 2, em Cabrália Paulista; a SP 284 – Manílio Gobbi, entre os quilômetros 458 e 459 na cidade de Paraguaçu Paulista e na SP 304 – Deputado Amauri Barroso de Souza, entre os quilômetros 255 e 256 em Torrinha.

Uma nova medida adotada pela concessionária é o chamado desconto progressivo, pelo qual motoristas que viajam por essas vias de maneira frequente, podem ser beneficiados pelo DUF (Desconto de Usuário Frequente) que está integrado às operadoras de pagamento eletrônico dos pedágios.

Conforme o condutor avança por essas vias utilizando o pagamento automático, já na segunda cobrança no mesmo local, um desconto é aplicado. Essa redução acontece até a 30ª passagem no mês, e quando chegada a 31ª cobrança, entra em operação a Tarifa Mínima para todas as próximas viagens até o término do mês.

O modelo de aplicação do DUF é realizado a cada mês, ou seja, quando se inicia o próximo mês estes descontos são zerados e começa uma nova contagem de passagens nos pedágios de rodovias operadas pela Eixo SP.

Ainda segundo a concessionária, o cronograma do contrato de concessão está sendo aplicado, e já estão em operação um total de 16 praças de pedágios novas, contando já as cinco praças em operação desde o começo da concessão.

Estes locais contam com lombadas eletrônicas nas pistas automáticas e mistas, determinando a velocidade máxima de 40 km/h.

 

Veja abaixo a tabela com o preço praticado nestes novos locais de cobrança:

 

 

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Ademar de Jesus Peres Peres disse:

    Socorro…🧐💸💸

Deixe uma resposta