Rodoviários de Blumenau (SC) aceitam proposta patronal e estado de greve é encerrado

Em duas reuniões, trabalhadores confirmaram a decisão. Foto: Arquivo / Sindetranscol.

Em assembleia realizada nesta quinta (12) os pontos apresentados pela BluMob tiveram aceitação da maioria dos trabalhadores

WILLIAN MOREIRA

O Sindetranscol (Sindicato dos Empregados nas Empresas Permissionárias do Transporte Coletivo Urbano de Blumenau) realizou nesta quinta-feira, 12 de agosto de 2021, uma assembleia em que foi apresentada aos trabalhadores do transporte coletivo da cidade uma proposta para colocar um final ao estado de greve.

A oferta da BluMob foi de um aumento no valor de 11,55% da inflação dividido em três parcelas e um reajuste de 12% no vale alimentação e aumentos no auxílio creche e plano de saúde.

Com a aprovação da categoria, o salário mensal dos motoristas passará para R$ 2.917 em maio do próximo ano.

Quanto ao salário dos cobradores, ele passará a ser de R$ 1.707 a partir da mesma data, maio de 2022.

Já os benefícios serão de R$ 920 para o vale alimentação, R$ 266 do auxílio creche e R$ 131 do plano de saúde.

Os trabalhadores reclamam de uma perda salarial de 11,55% acumulada no período de novembro de 2019 até junho deste ano, motivo de paralisação recente e de protestos da categoria.

Relembre:

Ônibus em Blumenau (SC) já circulam após fim de paralisação nesta terça (03)

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta