BRT Rio registra três acidentes em 48 horas por conversão proibida

Nesta sexta, acidente foi registrado próximo à estação Pastor José Santos, sentido Fundão, no corredor Transcarioca. Foto: Divulgação / BRT.

Desde janeiro, já foram 155 ocorrências com articulados, sendo 68 exclusivamente por veículos que fazem retornos improvisados

JESSICA MARQUES

O BRT Rio registrou três acidentes em 48 horas nesta semana motivados por uma conversão proibida. Nestes casos, veículos “invadiram” a pista exclusiva para a realização de um retorno improvisado.

A Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Equipe de Intervenção, informou que na manhã desta sexta-feira, 02 de julho de 2021, um veículo de passeio fez uma conversão proibida próximo à estação Pastor José Santos, sentido Fundão, no corredor Transcarioca. O motorista e o carona foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros.

Segundo a administração municipal, desde janeiro, já foram 155 acidentes com articulados. Foram 68 ocorrências causadas por motoristas que insistem em retornos improvisados, 36 avanços de sinal e 51 invasões na pista exclusiva.

“É importante informar também que uma batida ‘leve’ pode deixar um articulado sem circular por um dia. Se o acidente for mais grave, esse tempo aumenta para cerca de uma semana. Os trechos onde são registrados mais infrações são do Terminal Alvorada até o Pontal e em todo o corredor Transcarioca”, informou a equipe de intervenção.

ACIDENTE COM MOTOCICLISTA

Na noite de quinta (1º), um motociclista fez uma conversão proibida pela faixa de pedestre no corredor Transcarioca e acabou provocando um acidente com um BRT. A colisão ocorreu após a estação Aracy Cabral, sentido Galeão, por volta das 19h30 desta quinta-feira. O motociclista teve ferimentos leves, foi atendido pelo Samu e encaminhado ao hospital Lourenço Jorge.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta