Greve do transporte coletivo entra no décimo terceiro dia em Presidente Prudente (SP)

Foto: Savio Luiz Neves Lisboa/Ônibus Brasil

Frota tem paralisação total nesta segunda (28); prefeitura liberou micro-ônibus e vans para realizar o atendimento à população

WILLIAN MOREIRA

A greve dos trabalhadores da Prudente Urbano em Presidente Prudente, interior de São Paulo, chega ao décimo terceiro dia nesta segunda-feira, 28 de junho de 2021, com a paralisação total dos coletivos. Isso representa mais de 70 ônibus sem operar.

Como medida emergencial, a prefeitura liberou micro-ônibus e vans para realizar o atendimento no lugar dos veículos. Até o momento pelo menos 20 veículos já estão credenciados para este serviço.

A decisão de interromper a operação total dos ônibus foi tomada pelo sindicato da categoria no domingo (27), após o vencimento do prazo dado para que a empresa realizasse o pagamento das pendências salariais, o que não aconteceu.

Os trabalhadores reivindicam o pagamento de salários atrasados e vale-alimentação referente ao mês de maio, o que motivou o começo da greve em 16 de junho

A Prefeitura de Presidente Prudente informou que irá acionar a justiça para pedir a volta do atendimento do transporte coletivo ao exigir que a empresa cumpra o contrato firmado.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta