Trabalhadores do transporte coletivo de Guaratinguetá (SP) entram em greve nesta segunda (14)

Movimento grevista começou nas primeiras hora da manhã. Foto: TV Vanguarda / Reprodução.

Motivo do protesto são atrasos em pagamento do vale alimentação

WILLIAN MOREIRA

Funcionários do setor de transporte coletivo em Guaratinguetá no interior de São Paulo, entraram em greve nesta segunda-feira, 14 de junho de 2021, paralisando a circulação dos ônibus por volta das 10h.

Os rodoviários se queixam de atrasos por oito meses no pagamento do vale alimentação.

O movimento grevista começou nas primeiras hora da manhã, quando o atendimento aconteceu com frota reduzida e logo depois foi interrompido por completo.

Segundo o Sindicato dos Condutores do Vale do Paraíba, foi dado um prazo de 72 horas para a Prefeitura se manifestar. A greve, ainda segundo a entidade, não tem previsão para ser encerrada, dependendo do poder público negociar com os trabalhadores quanto às reivindicações.

O Diário do Transporte aguarda um posicionamento da Prefeitura sobre a paralisação.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Maria Silva disse:

    nossa que absurdo porque tantas pessoas depende de transporte público, para ir ao trabalho e não resolvem nada troca de empresa mas a passagem aumentou..

  2. Jose disse:

    Não trocou a empresa.
    Só trocou o nome

Deixe uma resposta