Rio Ônibus e Sindicato dos Rodoviários reforçam urgência na retomada de vacinação contra Covid-19 de motoristas e cobradores

Foto: Lucas Oliveira / Ônibus Brasil

Entidades afirmam que diante de decisão da Justiça Federal é preciso lutar para que benefício seja estendido para profissionais de todo o país

ALEXANDRE PELEGI

O Rio Ônibus, ao lado do Sindicato dos Rodoviários do Rio de Janeiro, protocolou ofício à Prefeitura da cidade na tarde desta sexta-feira, 11 de junho de 2021, em que reforça a necessidade da priorização na vacinação de rodoviários não apenas na cidade, como em todo o país.

As entidades informam que por determinação da Justiça Federal o benefício da prioridade na imunização deixou de valer apenas aos profissionais cariocas, mas vários trabalhadores rodoviários brasileiros seguem sendo imunizados em todo o país.

Por causa disso, reforçam a necessidade urgente de intervenção das autoridades municipais para que ajam no sentido de garantir o direito estabelecido a esses trabalhadores.

Em nora distribuída à imprensa, o Rio Ônibus ressalta que 59 profissionais rodoviários perderam a vida na capital desde o início da pandemia, e mais de 3.500 foram contaminados com o vírus.

O sindicato das empresas de ônibus lembra que tais trabalhadores estão na linha de frente mantendo o serviço essencial de transportar a sociedade “sem nenhum dia de interrupção”.

O ofício com o pedido, assinado pelas duas entidades representativas, foi encaminhado aos secretários municipais de Saúde e Transportes, e aos membros da Comissão Permanente de Transportes da Câmara dos Vereadores.

Leia o ofício abaixo:


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta