Arrematante de empresas de Baltazar pede transferência na Junta Comercial de São Paulo

Empresas operam em área que foi extinta pela gestão Doria

ALL Transportes comprou EAOSA e Ribeirão Pires em leilão de recuperação judicial do Grupo; Companhia fica numa sala em Diadema

ADAMO BAZANI

A ALL Transportes Eireli, empresa que está sediada numa sala comercial em Diadema, no ABC Paulista, apresentou à Jucesp (Junta Comercial de São Paulo), para registro, a carta de arrematação da EAOSA (Empresa Auto Ônibus Santo André) e Viação Ribeirão Pires.

A movimentação na Jucesp foi publicada oficialmente nesta terça-feira, 08 de junho de 2021.

Ambas companhias de ônibus que atendem à parte do ABC Paulista foram arrematadas por R$ 7,5 milhões pela ALL Transportes no âmbito da recuperação judicial do Grupo Baltazar José de Sousa.

A ALL é representada por Jonathan Felix da Silva, cujo endereço residencial fica num bairro popular também em Diadema.

O arremate por R$ 7,5 milhões das duas empresas ocorre justamente no momento em que a região onde operam é totalmente assumida por outro grupo empresarial, o ABC Sistemas (Next Mobilidade), proveniente do grupo da Metra, no âmbito da criação do SIT-ABC (Sistema Integrado de Transportes do ABC), que envolve a renovação do contrato e modernização do Corredor ABD (de ônibus e trólebus), a construção do BRT ABC (corredor de ônibus elétricos entre o ABC e a Capital) e a assunção das 85 linhas remanescentes da extinta área 5 da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos).

Assim, a ALL Transportes Eirelli comprou por este valor duas empresas que perderão esta permissão de serviços.

A EASOA e a Ribeirão Pires foram leiloadas como UPI – Unidades de Produção Isolada.

O leilão englobou o uso do nome/marca

Ônibus, linhas e garagens não foram envolvidos na venda.

Ambas empresas foram fundadas entre os anos de 1940 e 1950 e foram adquiridas por Baltazar nos anos 1980.

A recuperação judicial do Grupo Baltazar ocorre desde 2012, sendo uma das mais longas do setor de transportes de passageiros.

O Grupo Baltazar opera entre o ABC Paulista e a capital com as seguintes empresas: Viação Ribeirão Pires, EAOSA – Empresa Auto Ônibus Santo André, EUSA – Empresa Urbana Santo André, Viação São Camilo, Viação Triângulo e Viação Imigrantes.

São aproximadamente mil funcionários e em torno de 350 ônibus em todo o grupo.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta