Linhas de ônibus seguem itinerário normal em Manaus (AM), apesar de inversão de sentido da Avenida 7 de Setembro

Por enquanto, ônibus conseguem circular pelo local. Foto: Sidney Mendonça / IMMU.

Alteração foi necessária por conta da subida do nível do Rio Negro, o que causou enchente

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Manaus, por meio do IMMU (Instituto Municipal de Mobilidade Urbana), alterou o trânsito na Avenida 7 de Setembro, no Centro, no trecho entre as avenidas Eduardo Ribeiro e Getúlio Vargas. A mudança entrou em vigor nesta quinta-feira, 20 de maio de 2021, mas não afetou a operação dos ônibus.

Segundo o IMMU, a medida foi necessária por conta da subida do nível do Rio Negro, que já começa a prejudicar a circulação dos veículos na área central.

TRAJETO

Com a mudança, os motoristas que trafegam na zona Sul e desejam chegar até o Centro, deverão seguir pela Rua Quintino Bocaiúva, depois acessar a Avenida Joaquim Nabuco, dobrar à esquerda na Avenida Ramos Ferreira e acessar o Centro.

Já os motoristas que estão na área central vindo da rua Governador Vitório e desejam ir para o bairro, deverão dobrar à esquerda no cruzamento com a Avenida Sete de Setembro, seguir até o cruzamento com a Avenida Eduardo Ribeiro e seguir em frente no sentido inverso de fluxo na Avenida Sete de Setembro, que foi montado pela prefeitura até a Avenida Getúlio Vargas, onde poderão seguir em frente ou dobrar à esquerda e seguir o itinerário normalmente.

“Os engenheiros do IMMU ajustaram as sinalizações verticais, semafóricas e operacional, para poder atender a mudança de circulação e a demanda de veículos que vão circular pelas vias do centro”, informou a Prefeitura, em nota.

ITINERÁRIO DOS ÔNIBUS

Como por enquanto as linhas de ônibus seguem o itinerário normal, os coletivos seguem pela Avenida Epaminondas, depois a Rua da Instalação, acessar o Terminal da Matriz e seguir em frente pela Avenida Floriano Peixoto.

Até o momento, os pontos de ônibus não sofrerão mudanças, segundo a Prefeitura. Contudo, com a subida no nível das águas, o transporte coletivo poderá sofrer alteração no itinerário utilizando a mesma circulação dos veículos de passeio, pela Avenida 7 de Setembro.

“A inversão de fluxo foi determinada pelo setor de engenharia do IMMU e só vai afetar, por enquanto, os veículos comuns que não poderão circular na avenida Floriano Peixoto por conta das alagações. As sinalizações verticais e semafóricas foram reajustadas para poder atender a demanda de mudança de circulação. Os condutores que circulam no entorno da área central, terão o apoio dos agentes de trânsito e fiscais de transportes para orientação e monitoramento de circulação na via”, informou a Prefeitura, em nota.

OUTRAS MUDANÇAS NO TRÂNSITO

Na tarde desta quinta, o IMMU também fechou a alça inferior da ponte do Cajual, que dá acesso à Avenida Leopoldo Péres, bairro Educandos, Zona Sul.

A via também permite o acesso à Avenida Lourenço da Silva Braga em direção à feira Manaus Moderna. O motorista deverá seguir pela parte superior da ponte para poder seguir no bairro Cachoeirinha até a feira.

“Agentes de trânsito e fiscais de transportes permanecerão no local das intervenções e nos cruzamentos orientando pedestres e motoristas, que circulam na área central, quanto às mudanças no tráfego de veículos”, informou a Prefeitura, em nota.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta