Paralisação de ônibus acaba em Campina Grande (PB) com acordo entre motoristas e empresários

Empresas se comprometeram a começar a pagar atrasados já na próxima semana

ADAMO BAZANI

Trabalhadores do sistema de transportes públicos de Camina Grande (PB) decidiram retornar às atividades na tarde desta sexta-feira, 07 de maio de 2021, após paralisação que deixou a cidade sem ônibus.

Ao menos 62% da frota foram escalados.

Houve um acordo entre as companhias e os profissionais quanto ao pagamento da parte dos salários atrasados.

As viações prometeram pagar os 50% restantes dos salários de abril até quarta-feira, 12 de maio de 2021.

Os trabalhadores iniciaram a paralisação ainda na manhã contra atrasos nos pagamentos e parcelamentos nos salários.

Os profissionais ainda relatam que estão há três anos sem nenhum reajuste salarial.

A Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP) chegou a anunciar que entraria na Justiça para que a frota volte a operar.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta