Termina greve de ônibus no ABC com Baltazar pagando atrasados. Outras empresas podem parar nesta quinta (25)

Imigrantes é uma das empresas do grupo

Paralisação afetou parcialmente linhas metropolitanas na região e linhas municipais em Santo André

ADAMO BAZANI

Acesse e ouça:

Terminou na tarde desta quarta-feira, 24 de março de 2021, a greve de motoristas e demais funcionários das empresas de ônibus de Baltazar José de Sousa no ABC Paulista.

O restabelecimento do serviço passou a ser gradativo, mas deve ser normalizado ainda nesta quarta-feira.

Foram paralisadas as empresas Viação Ribeirão Pires, EAOSA – Empresa Auto Ônibus Santo André, EUSA – Empresa Urbana Santo André, Viação São Camilo, Viação Triângulo, Viação Riacho Grande e Viação Imigrantes.

As companhias operam linhas gerenciadas pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) em Rio Grande da Serra, Ribeirão Pires, Mauá, São Caetano do Sul, Santo André, São Bernardo do Campo, Diadema e parte da capital paulista.

A EUSA também opera linhas municipais em Santo André, como B13 (Jardim Aclimação / Vila Alice),  B19 (Jardim Aclimação – Bairro Campestre) e S 36 (Estação Prefeito Saladino / Parque Novo Oratório).

Ao Diário do Transporte, presidente do Sintetra, sindicato que representa a categoria, Leandro Mendes da Silva, disse que o Grupo Baltazar pagou nesta quarta-feira (24), o “vale”, que é o adiantamento salarial que deveria ser depositado no dia 20, como prevê convenção trabalhista da categoria.

Sobre o pagamento do convênio médio e plano odontológico, o Grupo Baltazar pagou uma parcela nesta quarta-feira (24) e a outra deve ser depositada na próxima terça-feira (30).

O Grupo Baltazar está em recuperação judicial desde 2012.

Nesta terça-feira (23), foram leiloadas as marcas da EAOSA e Ribeirão Pires e imóveis.

Baltazar é apontado pela Receita Federal como um dos maiores devedores individuais da União, com R$ 1 bilhão em débitos tributários federais. A defesa contesta o valor.

https://diariodotransporte.com.br/2021/03/23/leilao-da-eaosa-e-da-ribeirao-pires-recebe-uma-proposta-pelo-valor-de-r-75-milhoes/

MAIS EMPRESAS:

Leandro Mendes da Silva disse ainda que outras empresas podem parar nesta quinta-feira, 25 de março de 2021, no ABC Paulista pertencente a outros grupos.

Entre as companhais que podem ser afetadas segundo Leandro, estão BR7 Mobilidade, do Grupo ABC, que opera linhas municipais em São Bernardo do Campo, e a Expresso SBC, que opera linhas metropolitanas a partir de São Bernardo do Campo.

De acordo com o sindicalista, respectivamente, as empresas estão em atraso com o “vale” salarial que deveria ser depositado no dia 20 e o vale-alimentação.

Negociações podem evitar a paralisação.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. SÓ UM BILHÃO,,,,,????? E AINDA CONTESTAM??? Ah gostaria que alguém alarmasse e acordassem para os empregados, a ver nos noticiarios, DIÁRIO REGINAL, DGABC, ABC REPORTER, NO SITE PRÁ VER…basta digitar Baltazar José de Souza

Deixe uma resposta