Troca dos cartões vale-transporte pelo novo Riocard Mais termina em 31 de março nas regiões dos Lagos, Norte e Serrana do RJ

Substituição do modelo antigo pelo novo cartão é gratuita e pode ser realizada nas lojas de atendimento da Riocard Mais. Foto: Divulgação.

Prazo para municípios da Região Metropolitana e para a capital será estendido até 30 de abril

JESSICA MARQUES

A troca gratuita dos cartões do tipo vale-transporte pelo novo Riocard Mais será encerrada no dia 31 de março nas regiões dos Lagos, Norte e Serrana do Estado do Rio de Janeiro.

Segundo a empresa responsável pela troca, os passageiros devem procurar as lojas dos municípios de Araruama, Campos dos Goytacazes, Macaé, Nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis. Nos municípios da Região Metropolitana e na cidade do Rio, o prazo de troca do antigo Vale-transporte será estendido até o dia 30 de abril.

Com a atualização dos validadores, o antigo modelo do vale-transporte não será mais aceito nos meios de transporte nessas cidades a partir do dia 1ª de abril. Para substituição dos cartões, é preciso procurar uma das lojas da rede de atendimento da Riocard Mais.

Atualmente, o cartão Riocard Mais é o único aceito em todos os meios de transporte e pode ser utilizado em 43 cidades do Estado do Rio de Janeiro.

COMO TROCAR

As trocas devem ser realizadas nas lojas Riocard Mais, que foram adequadas para o cumprimento das normas de prevenção à covid-19, segundo a empresa.

Para receber o novo cartão gratuitamente, o passageiro precisa apresentar o modelo antigo do vale-transporte. Não é necessário mostrar documentação, mas a troca deve ser feita pelo titular do cartão, já que o benefício é pessoal e intransferível. No ato, é emitido um comprovante com os valores dos créditos de transporte que estavam disponíveis no modelo antigo.

“Ao migrar para o Riocard Mais, o passageiro mantém os créditos de transporte do antigo cartão e os benefícios tarifários atrelados a ele, como o Bilhete Único Carioca (BUC), o Bilhete Único de Niterói e o Bilhete Único Intermunicipal (BUI). Para dar mais transparência ao processo, o cliente recebe no ato da troca dos cartões um comprovante com os valores dos créditos de transporte que estavam disponíveis no modelo antigo.”

Lojas nos municípios que fazem a troca do VT até 31 de março:

Loja Horário Dias de semana
Araruama 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Campos 8h às 13h/14h às 17h Segunda a sexta-feira
Macaé 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Nova Friburgo 10h às 18h Segunda a sexta-feira
Petrópolis 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Teresópolis 8h às 17h Segunda a sexta-feira

 

Demais cidades (troca até o fim de abril)

Loja Horário Dias de semana
Alvorada 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Campo Grande 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Central do Brasil 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Carioca 9h às 18h Segunda a sexta-feira
Duque de Caxias 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Itaboraí 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Maricá 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Méier 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Niterói 1 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Niterói 2 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Nova Iguaçu 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Piabetá 8h às 17h Segunda a sexta-feira
São Gonçalo 1 9h às 18h Segunda a sexta-feira
São Gonçalo 2 8h às 17h Segunda a sexta-feira
Siqueira Campos 8h às 17h Segunda a sexta-feira

TRÊS MODELOS

O cartão Riocard Mais agora conta com apenas três modelos, cada um com uma cor predominante: Expresso (rosa), Vale-Transporte (laranja) e Empresarial (azul). As informações estão dispostas na vertical, indicando o seu uso em todos os modais e os locais onde é possível recarregá-lo.

Com o novo cartão, é possível fazer o controle e a gestão de todas as transações realizadas por meio do aplicativo Riocard Mais – com versões gratuitas para celulares Android e iOS.

Além disso, a Riocard Mais oferece ainda um clube de vantagens com a oferta de descontos em produtos e serviços em uma rede de empresas parceiras. Mais informações podem ser obtidas no site clubedevantagens.riocardmais.com.br/home.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. josias miguel dos santos disse:

    preciso trocar meu cartao onde consigo

  2. josias miguel dos santos disse:

    aguardando resposta

Deixe uma resposta