Bolsonaro indica novo presidente da Petrobras após desgaste por aumentos do diesel e gasolina

Ainda é necessário que o Conselho de Administração da Petrobras aprove a indicação

Cargo será ocupado pelo general Joaquim Silva e Luna

ADAMO BAZANI

O presidente Jair Bolsonaro anunciou em redes sociais nesta sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021, que indicou um novo presidente para a Petrobras.

A indicação é do nome do general Joaquim Silva e Luna para o lugar do atual presidente da companhia, senhor Roberto Castello Branco.

Ainda é necessário que o Conselho de Administração da Petrobras aprove a indicação.

“O governo decidiu indicar o senhor Joaquim Silva e Luna para cumprir uma nova missão, como conselheiro de administração e presidente da Petrobras, após o encerramento do ciclo, superior a dois anos, do atual presidente, senhor Roberto Castello Branco”, diz o texto em sua rede social sob o logotipo do Ministério de Minas e Energia.

Silva e Luna é general da reserva do Exército e foi e ministro da Defesa, no governo do ex-presidente Michel Temer.

O general foi presidente da usina binacional de Itaipu em 2019.

A indicação do nome ocorre depois do desgaste dos aumentos consecutivos do óleo diese e da gasolina.

Desde o início do ano, o preço do diesel nas refinarias subiu três vezes, acumulando alta de 27,72%.

Nesta sexta-feira, o principal combustível do transporte de carga e dos transportes coletivos por ônibus ficou 15,2% mais caro e vai para R$ 2,58, refletindo R$ 0,34 a mais por litro nas bombas ou distribuidoras.

Já em relação à gasolina, o preço por litro nas refinarias subiu nesta sexta-feira, 10,2%, passando R$ 2,48, em média.

No ano, a gasolina aumenta pela quarta vez e está 34,78% mais cara no acumulado.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta