Prefeitura de João Pessoa estuda congelar tarifa de ônibus com redução de impostos

Ônibus em João Pessoa

Definição deve sair em dois meses, após negociações com empresas de transporte

ADAMO BAZANI

A prefeitura de João Pessoa estuda a possibilidade de congelar a tarifa de ônibus em 2021.

Para isso, deve reduzir a carga tributária das empresas de ônibus. Uma das opções é diminuir ou mesmo zerar as alíquotas do ISS que é de 5%, e a parte do município no ICMS sobre o óleo diesel que, no total, é de 18%.

O último reajuste ocorreu em janeiro de 2020, antes de a pandemia ser reconhecida no Brasil, quando o “Passe Legal” foi de R$ 3,80 para R$ 4,00 e o pagamento em dinheiro, de R$ 3,95 para R$ 4,15.

Pelos próximos 60 dias, a Superintendência de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP) e o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros no Município de João Pessoa (Sintur-JP) devem fazer diversos encontros para debater o assunto.

Em dezembro de 2020, as empresas de ônibus entregaram um estudo ao município com dados como impactos da queda do número de passageiros por causa da pandemia e elevação de custos operacionais, como os aumentos de preços de insumos como diesel, lubrificantes, peças e pneus.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta