Em Madri, idosos com mais de 65 anos pagam 6,30 euros por vale transporte mensal

Valor começa a ser cobrado a partir de hoje, 1º de janeiro de 2021, após desconto de 25%. Meta é gratuidade total a partir de 2023

ALEXANDRE PELEGI

Os idosos com mais de 65 anos em Madri, capital da Espanha, pagarão a partir de hoje 6,30 euros, quase R$ 40, pelo vale transporte mensal (abono).

Este é o valor após desconto de 25% anunciado pelo vice-presidente do governo regional, Ignacio Aguado, por meio de um vídeo postado no Twitter.

Segundo Aguado, este valor já é metade do que os idosos pagavam no início do governo.

A meta é chegar a 2023 com a gratuidade total para os idosos, com descontos sucessivos a cada ano de 25%.

O vice-presidente do governo regional anunciou ainda o congelamento das tarifas dos transportes públicos da Comunidade de Madri para 2021.

Para se ter ideia comparativa de valores, os abonos mensais mais baratos (como são chamados os passes de transporte válidos por 30 dias) custam 54,60 euros, cerca de R$ 350. Isso, no caso, para a rede de ônibus e metrô no centro da capital.

 

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Roberson disse:

    Qual a intenção dessa matéria? Querendo comparar idosos aposentados na Espanha com os brasileiros pagando passagem de ônibus.
    Passando pano para o Bruno covas e doria

    1. diariodotransporte disse:

      A conclusão é sua. A matéria deixa claro, inclusive, que a partir de 2023 o transporte será gratuito para os idosos a partir de 65 anos.

Deixe uma resposta