Sindicato dos Aposentados chama de “imoral” corte das gratuidades a idosos entre 60 e 65 anos nos transportes promovido por Bruno Covas e João Doria

Ônibus urbano em São Paulo

Prefeito e governador alegaram redução de custos e necessidade de “acompanhar a revisão gradual das políticas voltadas a esta população”. As gratuidades para pessoas com 65 anos ou mais continuam porque são asseguradas por lei federal (Estatuto do Idoso)

ADAMO BAZANI

Continua repercutindo negativamente o fim da gratuidade para idosos entre 60 e 65 anos de idade nos ônibus municipais da capital paulista, gerenciados pela SPTrans (São Paulo Transporte), nos ônibus intermunicipais gerenciados pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), na CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e no Metrô.

A decisão foi tomada em conjunto entre o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, e o governador, João Doria, sendo oficializada na quarta-feira, 23 de dezembro de 2020, como mostrou o Diário do Transporte.

A medida entra em vigor a partir de 01º de janeiro de 2021. As gratuidades para pessoas com 65 anos ou mais continuam porque são asseguradas por lei federal (Estatuto do Idoso)

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2020/12/23/gratuidade-para-idosos-entre-60-e-65-anos-e-cancelada-por-doria-e-covas-no-transporte-coletivo-da-capital-e-regiao-metropolitana/

Nesta quinta-feira, 24 de dezembro de 2020, o “Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos”, divulgou um manifesto pelo qual considera “ser imoral revogar a gratuidade nos transportes aos cidadãos com mais de 60”

A entidade sustentou ainda que é contraditório cortar este benefício ao mesmo tempo em que o prefeito Bruno Covas sancionou o aumento do próprio salário e de secretários em 46%.

É imoral revogar a gratuidade nos transportes aos cidadãos com mais de 60

Às vésperas do Natal, após um ano duríssimo para as famílias brasileiras, em que a pandemia provocou milhões de desempregos, elevou do custo de vida e desorganizou as estruturas sociais, o prefeito eleito da cidade de São Paulo, Bruno Covas, comete a insensatez de revogar um decreto de 2013, que proporcionava gratuidade aos cidadãos com mais de 60 nos transportes públicos. Com isso, a partir de 1º de janeiro de 2021, somente os idosos acima de 65 anos não precisarão pagar as tarifas de ônibus.

O governador João Doria também, na mesma linha insensata, revogará a lei estadual que permite a gratuidade nos ônibus intermunicipais, no metrô e no trem.

Ainda que as decisões estejam de acordo com o Estatuto do Idoso, vale frisar que a gratuidade a partir dos 60 anos é decisão que pode ser estabelecida por cada município e, quanto aos direitos estaduais, pelo governador, dependendo assim, de vontade e posição política. As revogações podem ter base legal, no entanto, são imorais.  

Na contramão da sensatez, enquanto mais um direito dos idosos é retirado e o reajuste das aposentadorias pelo governo apenas prevê a reposição das perdas inflacionárias, a Câmara Municipal de São Paulo ampliará o salário do prefeito de R$ 24.175,55 para R$ 35.462,00 a partir de janeiro de 2021. Outra medida que pode ser legal, mas que, na prática, também é imoral, principalmente diante da crise que atravessa o país.

É com indignação e perplexidade que o Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos e a Central Força Sindical compreendem tais atos.  

Segundo estudo realizado pela doutora Ana Amélia Camarano, se há 30 anos os idosos dependiam das rendas das famílias, agora a realidade é que em 21% dos lares brasileiros a renda dos idosos é responsável por 90% da renda familiar. E a gratuidade nos transportes acima dos 60 anos representa parte desse arrimo dos idosos às suas vidas e de seus familiares.

Em tempos de pandemia, em que se busca desesperadamente uma vacina para enfrentar o coronavírus, é importante que os políticos tomem uma dose de bom senso e discernimento para compreender as reais necessidades do povo brasileiro nesses tempos tão difíceis. Decisões políticas equivocadas provocam tantos danos quanto um vírus.

João Batista Inocentini
Presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos

Miguel Torres
Presidente da Central Força Sindical

O QUE DIZEM AS GESTÕES DORIA E COVAS:

Em nota conjunta, prefeitura de governo do Estado justificaram a medida: “A mudança na gratuidade acompanha a revisão gradual das políticas voltadas a esta população, a exemplo da ampliação da aposentadoria compulsória no serviço público, que passou de 70 para 75 anos, a instituição no Estatuto do Idoso de uma categoria especial de idosos, acima de 80 anos, e a recente Reforma Previdenciária, que além de ampliar o tempo de contribuição fixou idade mínima de 65 anos para aposentadoria para homens e 62 anos para mulheres“.

A Lei que concedeu gratuidade nos transportes públicos para pessoas acima de 60 anos foi sancionada pelo Governador Geraldo Alckmin em 29 de outubro de 2013.

Sob o nº 15.187, a Lei autoria o Poder Executivo a implementar, “em conformidade ao disposto no artigo 39, § 3º, da Lei Federal nº 10.741, de 1º de outubro de 2003 (Estatuto do Idoso), gratuidade às pessoas maiores de 60 (sessenta) anos nos transportes públicos de passageiros operados pela Companhia do Metropolitano de São Paulo (METRÔ), Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU)”.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. JOSÉ LUIZ VILLAR COEDO disse:

    “IMORAL” AINDA É POUCO! O Sindicato ai ainda foi muito EDUCADO!

  2. JOSÉ LUIZ VILLAR COEDO disse:

    Por que nao cortam as montanhas de regalias desde a esfera Federal até dos Quarteirizados da esfera dos Municípios? ?!

  3. Dica importante: se tens um cartao metropolitano o BOM válido até 2024, meu caso, vou brigar pelo direito….Vamos nós acionar, pressionar, tanto governos, justiça e a empresa metropolitana, fazer valer nosso direito,,,,vamos lá…

    1. Elvira Thumasia Rodrigues disse:

      Isso é que é TRAIÇÃO, aos idosos q votaram no Bruno Covas. Aliás, Lei esta que foi o avô de Bruno o Sr. Mario Covas q batalhou para a liberação de 60 anos a gratuidade da conduçâo. SP foi a unica cidade brasileira que a partir de 60 anos tinha direito a gratuidade. Querem comparar com a aposentadoria de que aumentaram homem 70 e mulher 62 é equivocado pois nos critério da aposentadoria se recorre o TJF por se tratar de violação de direitos adquirido. O mesmo deve ser tratado como direito violado e não como imoral aos idosos. E como diz B. Casóy, “Isso é uma Vergonha”

      1. Jose alves de lima disse:

        Dois Administrador do pais que não merece os seus cargos,esses dois homem deveriam ser lixados pela nacão em local buplico.isso e duas bacteria ruim,, espero que, a OAB e os senhores juiz outros consigam eliminar esses dois vermes.

  4. Solange Maria ignacio disse:

    Eu acho um absurdo isso pois nos idosos temos que correr de um lado ao outro até as de médicos remédios ganhando 1.045 como pode ainda dar aumento p ele próprio. Sem coração estes dois …socorro merecemos mas consideração…ja somos hostilizar o nestes ônibus agora por estes dois sem coração…nos ajudem……meu nome é Solange. 11982583976 …

  5. Jose teodoro disse:

    o nosso governador se quiser ser presidente não pode ficar enchendo novo defeitos dos brasileiros principalmente dos idosos covarde tirar de quem não tem e dar pra quem ja vc.ja era não ganha mais nada
    .

  6. Jose Carlos da Silva disse:

    Como os políticos são na hora de angariar votos para reeleição prometem mundos e fundos que nunca cumprem, depois que o Sr Bruno Covas conseguiu o que queria cuspiu literalmente no rosto dos cidadãos, coitado do Idoso aposentado que já ganha uma miséria de salário e tem 4,10% equivalente a um índice fora da realidade, na contra mão da situação com pandemia vê os políticos reajustarem na calada da noite seus salários em 46%, sancionado rapidinho pelo PREFEITO.
    ISSO NÃO É UMA VERGONHA?, UM TAPA NO ROSTO DO CIDADÃO?

  7. Jose Carlos da Silva disse:

    Essa revogação do gratuidade do transporte
    Aos IDOSOS ACIMA DOS 60 ANOS “ISSO E UMA VERGONHA”.
    NA CONTRA MÃO DA PANDEMIA, AINDA REAJUSTAM SEUS SALÁRIOS EM 46%, ENQUANTO O SALÁRIO MÍNIMO É DE R$ 1045,00 e terá um medíocre reajuste de 4,10%.
    Cobram altos impostos e não temos EDUCAÇÃO, SAÚDE, MORADIA….
    BRASIL PAIS DOS MISERÁVEIS 90% DE DESIGUALDADE SOCIAL…

  8. Valéria Santos disse:

    Vcs são imoral, não tem vergonha de tirar o pouco que os idosos tem, cria vergonha na cara e reduz o salário de vcs, em plena pandemia fazer uma imoralidade dessa .isso é BRASil acorda povo juntos somos mais fortes.

  9. Nelson do Amaral disse:

    Pobre e aposentados votar em partido da burguesia só poderia esperar isso. Agora não adianta reclamar! Agora só resta entrar no ônibus e descer pela porta da frente e não pagar. Manda chamar quem quizer que isso não dá em nada. Nas eleições para presidente de Dória for eleito mais benefícios os pobres e aposentados irão perder.

  10. Marina Germina Xavier disse:

    Não adianta o sindicato dos aposentados falar que é imoral, tem que fazer alguma coisa ir a justiça por exemplo.

  11. Giséle Ferreira Jorge disse:

    Ninguem vai fazer nada a não ser soltar nota de repudio???? Nota de repudio eles não estao nem ai c isso, quem representa os idosos nas altas esferas estaduais??? E de pensar q uma grande maioria dos idosos colocaram esses 2 aí no poder, infelizmente os q nao votaram nesses 2 sofrem c isso tbm!

  12. Emilia disse:

    Mais uma vez somos traídos repúdio ,o que é isso , é uma sobremesa de delícias para ele pq estão tão acostumados com isso que para eles tanto faz ,espero que TDS que estão sendo prejudicados nas próximas eleições vão se arrastando e peça para seus filhos ,netos,bisnetos e amigos para votar nesse, crápulas que tanto pisa,e desfaz do Povo Paulista e Paulistanos ,Vós Acordar Povo …
    É Literalmente Lamentável

  13. Valdir Esteves disse:

    Sindicato é muito bonzinho, aliás aqui no Brasil sindicato não faz nada pra ninguém, esses dois que estão aí deixaram a saúde e o Covid matar maior numeros de pessoas aqui, é só ver as estatísticas, esse Dória pense que vai ganhar para presidente, deixa de ser hipócrita almofadinha, PSDB nunca mais!!!

  14. Regina disse:

    E lamentáveis q governo e prefeito de São Paulo seja inescrupulosos,desonestos e covardes com esta medida,60 ano de idade trabalhando desdo 13 de idade na informalidade e sendo roubados por politicos.empresariafos q só penssa em lucros próprios.

  15. Fernando disse:

    Cada dia que passa vejo que estamos so. Pq se depender de político estaremos mal
    Pior que nós não se reunimos contra isso. É o pior em tempo de eleições a população vai igual a um cachorrinho votar neste monte de porcaria.
    Par eles tudo pra população nada sou idoso e preciso trabalhar ainda, pior é que tem muitos idosos que ajuda a família. Quando precisar ir ao médico não tem dinheiro. Enquanto isso político tem carros, ternos, casa e ainda vão trabalhar de helicóptero um absurdo. Fica aqui minha indignação

  16. Magdalena Martinez Riofrio disse:

    Doria que tal doar o seu salário que você se aumenta sem pedir permissão e cobra IPVA de quem lutou para conseguir a isenção e pagar transporte público ganhando um salário mínimo. FORA DÓRIA…FORA DÓRIA…

  17. Marcia disse:

    Infelizmente nesse país não existe justiça.. nos aposentados deveríamos sair em passeata.. gostaria de perguntar ao prefeito como ele se reelegeu. Se não fossemos aposentados solidário a sua doença.. olha que recebemos em troca. O Doria? Não espero nada dele…

  18. Paulo Roberto nascimento disse:

    O sindicato não lutou por idosos de 60 a 64 anos Então pra que sindicato se eles não valem pra nada agora cadê os deputados pra fazer alguma coisa nada agora na hora de pedir votos aí eles vem

  19. Paulo Roberto nascimento disse:

    Sabe quero saber porque muitos idosos entre 60 e 64 não consegue pagar passagen porque o que eles ganham de aposentadoria não dá pra nada mesmo é justo isso

  20. Paulo Roberto nascimento disse:

    Foi feito um abaixo assinado cadê isso sumiu

  21. João Silveira disse:

    Impressionante a capacidade destes 2 indivíduos. Em primeiro lugar nós que estamos nesta faixa de idade, somos considerados muito velhos para trabalharmos, as portas de emprego se fecham quando voce diz sua idade, mas, quando consegue um trabalho com um salario minimo, faz as contas, contando com a gratuidade dos onibus, pois o custo do transporte diario vai para mais de R$18,00, totalizando 36% do salario mensal, ora se o fulano quer aumentar seu salário, simples assim alguem tem que pagar a conta, mas, espere, segundo a CNN o aumento do salario deve dar um impacto de mais de 500 milhões e por coincidencia, vejam só, acabando a gratuidade haverá uma economia de 592 milhões, conforme foi justificado a justiça. Agora sim está explicado, nós é que vamos pagar a conta destes 2 fulanos, mas esperem até 2022, um será execrado, o outro quem sabe? A população não aceita mais estes desmandos a beneficio próprio.

  22. Paulo Roberto nascimento disse:

    Só gostaria de saber se nenhuma autoridade que tenha vergonha na cara não irá fazer nada em relação porque muitos idosos não tem como pagar a passagen porque o que eles ganham em.aposentaria não dá pra nada tanto o Governador João Diria é Prefeito Bruno Covas são canalha safado não passaram nós idosos que os elegeram vergonha

    1. Fernando disse:

      Governador e prefeito muita sacanagem eles tem helicóptero carro. Tiveram aumento coisa que nem todos trabalhadores tiveram. E tiram uma coisa que os idosos ja tinham por direito. Será que ainda assim vão vota nesses canalha.fica aqui meu protesto

  23. Paulo Roberto nascimento disse:

    Agora ninguém fala nada sobre a corrupção que teve no sindicato dos Motorista que foi de milhões é que Donos de empresas de Ônibus estavao pagando pro sindicato agora tira a Gratuidade dos idosos pra arrumar mais dinheiros pra colocar no bolso dos Donos de empresas de Ônibus da pro sindicato vergonha

  24. Paulo Roberto nascimento disse:

    Só espero que os idosos não esqueçam que em 2022 tem eleição pra presidente fora Doria safado

  25. Terezinha Coelho disse:

    Já falaram td que eu queria….BANDO DE PILANTRAS… FURTADORES DE DIREITOS HUMANOS…APROVEITADORES DE PESSOAS INDEFESAS…ESTÃO ESGOLFANDO DO BOM E DO MELHOR ÀS NOSSAS CUSTAS…DO DINHEIRO TIRADO DE NÓS MESMOS…CAFAJESTES…ABUSADORES DE CARGOS PÚBLICOS! VERMES! BACTÉRIAS DO MAL..

Deixe uma resposta para JOSÉ LUIZ VILLAR COEDO Cancelar resposta