EMTU estuda mudanças de linhas em São Bernardo do Campo, Diadema, Francisco Morato, Mogi das Cruzes, Arujá, Poá e outras cidades

Ônibus metropolitano de uma das empresas que propôs as alterações

Extinção de itinerários, incorporação de linhas por outras, criação de seccionamentos e de linhas complementares, mudanças de pontos finais e de integração tarifária estão entre as propostas das empresas de ônibus

 ADAMO BAZANI

 A STM (Secretaria dos Transportes Metropolitanos) publicou oficialmente nesta quarta-feira, 23 de dezembro de 2020, propostas de empresas de ônibus para alterações de linhas que operam e são gerenciadas pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos).

As mudanças consistem em extinção de itinerários, incorporação de linhas por outras, criação de seccionamentos e de linhas complementares, mudanças de pontos finais e de integração tarifária.

As linhas que podem sofrer alterações dependendo do resultado das análises servem diversos municípios da Grande São Paulo, como São Bernardo do Campo, Diadema, Francisco Morato, Mogi das Cruzes, Guararema, São Lourenço da Serra, Itapecerica da Serra, Juquitiba, Arujá, Itaquaquecetuba, Suzano, Poá e Santa Isabel.

Em todos os casos, quem não concordar com as mudanças pode registar reclamações ou sugestões em até 10 dias a contar da data da publicação, que foi nesta quarta-feira (23), na CTC (Coordenadoria de Transporte Coletivo).

Confira as alterações propostas:

 

361 Francisco Morato (Parque 120) – São Paulo (Terminal Rodoviário Barra Funda)

 Propostas:

– Alteração da tabela horária, frota, exclusão de frota conjunta e de tabela horária de férias da linha 361TRO;

– Criação do serviço complementar C-361VP1-000-R Francisco Morato (Parque 120) – Caieiras (Trevo das Laranjeiras);

– Exclusão da frota conjunta da linha 426TRO; e

– Manutenção das demais características operacionais contidas nas Ordens de Serviços vigentes

206 Guararema (Centro) – São Paulo (Terminal Rodoviário Tietê)

 Propostas:

– Alteração de itinerário, extensão, tabela horária e criação do seccionamento tarifário 206TROS01 da linha metropolitana 206TRO;

– Manutenção das demais características operacionais contidas na Ordem de Serviço Operacional 008 da linha 206TRO, vigente a partir de 27 de abril de 2019

091 São Lourenço da Serra (Vila Rita Soares) – Itapecerica da Serra (Parque Paraíso)

 Propostas:

– Incorporação da linha metropolitana 091TRO São Lourenço da Serra (Vila Rita Soares) – Itapecerica da Serra (Parque Paraíso) pelos atendimentos metropolitanos: 030TRO Juquitiba

(Barnabés) – Itapecerica da Serra (Valo Velho) via São Lourenço da Serra (Centro), 030BI1 Juquitiba (Bairro dos Justinos) – Itapecerica da Serra (Valo Velho) via São Lourenço da Serra (Centro) e 808TRO Juquitiba (Fazenda SAMA) – Itapecerica da Serra (Valo

Velho), operados pelo Consórcio Intervias;

– Manutenção das demais características operacionais contida na Ordem de Serviço Operacional 015, vigente desde 20 de março 2017

156VP1 Diadema (Eldorado) – São Bernardo do Campo (Paço Municipal), operada pela Expresso São Bernardo:

Propostas:

Alteração do terminal secundário, itinerário, extensão, característica circular para radial e tabela horária.

141TRO Santa Isabel (Monte Serrat) — Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes) via Santa Isabel (Centro) e Itaquaquecetuba e – 277 TRO Santa Isabel (Monte Serrat) — Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes) via Santa Isabel (Centro) e Poá (Calmon Viana)

Propostas:

Incorporação dos seccionamentos tarifários 141TRO-S01 Santa Isabel (Monte Serrat) – Arujá (Trevo Dutra/Av. Expedicionários), 141TRO-S02 Santa Isabel (Monte Serrat) – Itaquaquecetuba (Estação CPTM Itaquaquecetuba), 141TRO-S03 Arujá (Praça Narciso J. Lopes/Praça Expedicionários) – Poá (Centro), 141TRO-S04 Arujá (Praça Narciso J. Lopes/Praça Expedicionários) Suzano (Tecelagem Suzuki), 141TRO-S06 Itaquaquecetuba (Jd. Odete) Suzano (Tecelagem Suzuki), 141TRO-S07 Itaquaquecetuba (Jd. Odete) – Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes), 141TROS08 Poá (Divisa Itaquaquecetuba/Poá) – Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes) e 141TRO-S09 Suzano (Divisa Poá/Suzano) – Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes) pelas seções tarifárias 141TRO-S05 Arujá (Praça Narciso J. Lopes/ Agência Volks) – Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes) e 141TRO-S10 Santa Isabel (Monte Serrat) – Poá (Centro); e

Incorporação dos seccionamentos tarifários 277TRO-S01 Santa Isabel (Monte Serrat) – Arujá (Trevo Dutra/Av. Expedicionários), 277TRO-S02 Santa Isabel (Monte Serrat) – Itaquaquecetuba (Estação CPTM Itaquaquecetuba), 277TRO-S03 Arujá (Praça Narciso J. Lopes/Praça Expedicionários) – Poá (Centro), 277TRO-S04 Arujá (Praça Narciso J. Lopes/Praça Expedicionários) Suzano (Tecelagem Suzuki), 277TRO-S06 Itaquaquecetuba (Jd. Odete) Suzano (Tecelagem Suzuki), 277TRO-S07 Itaquaquecetuba (Jd. Odete) – Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes), 277TROS08 Poá (Divisa Itaquaquecetuba/Poá) – Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes) e 277TRO-S09 Suzano (Jd. Monte cristo) – Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes) pelas seções tarifárias 277TRO-S05 Arujá (Praça Narciso J. Lopes/ Agência Volks) – Mogi das Cruzes (Estação CPTM Estudantes) e 277TRO-S10 Santa Isabel (Monte Serrat) – Poá (Centro)

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

  1. Roberto magno Alves de oliveira disse:

    Linha riacho Grande tem que ter bilhete bom e integração com outros municípios.

  2. Emerson Araújo disse:

    Linha 446 Vila Florida – Metrô Saúde, presta um péssimo serviço ao usuário, os ônibus demora de mais, chega ter 50 minutos de intervalos entre um ônibus e o outro, o horário entre 12:00 e 13:00 passa apenas um carro, e ligamos no telefone da EMTU para reclamações, eles não atende assim fica muito difícil.

  3. José DONIZETI Linari disse:

    Pego ônibus da linha 359 paço municipal – metrô saúde, os motoristas revezão , um a cada semana, em uma semana o ônibus sai no horário, na outra nem tem ônibus. Temos que pegar o 050 do próximo horário, mas a triângulo não é culpada. Culpado é a Emtu que teria que fiscalizar mas não o faz por incompetência.

  4. Gislaine Reis Carvalho disse:

    Desde o momento que tarifou a integração no terminal de Piraporinha,os troleibus estão sempre cheios por conta do intervalo de troleibus, tarifou ficou pior,cobram e não extornam um serviço digno, problema não é a tarifa da integração,o problema é qualidade e falta de respeito com os passageiros!

  5. Anônimo disse:

    A 305 e 154 tem que passar na Av. Dom Jaime de Barros Câmara por causa dos alunos da Universidade Metodista Campus Planalto, Uninove São Bernardo e quem trabalha no CENFORPE (Centro de Formação de Profissionais da Educação)

Deixe uma resposta