Asperbras Veículos entrega 45 ônibus com proteção contra Covid-19 para transporte coletivo de Angola

Ônibus são para nova etapa do TURP (Projeto de Transporte Urbano Regular de Passageiros). Foto: Divulgação.

Carrocerias são Marcopolo e Caio, com chassis Volksbus 17.210

JESSICA MARQUES

A Asperbras Veículos entregou ao governo de Angola mais 45 ônibus que farão parte do TURP (Projeto de Transporte Urbano Regular de Passageiros).

Os novos veículos são de modelo Volksbus 17.210 com carrocerias Marcopolo e Caio, equipados com catracas Foca Braun. Os ônibus possuem barreiras de proteção BioSafe para motorista e cobrador, instaladas para auxiliar no combate à pandemia do novo coronavírus.

Com a entrega dos novos ônibus, o sistema de transporte passa a contar com 743 veículos. Até o final do ano, serão entregues mais 157 ônibus, totalizando 900 veículos.

Todas as unidades têm capacidade total de 65 passageiros e contam com poltronas reservadas para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, além de um degrau escamoteável, que facilita o acesso ao ônibus.

“Após um ano de operações, a Asperbras Veículos contabiliza, na província de Lubano, por exemplo, mais de 30 mil viagens realizadas, cerca de 1 milhão de passageiros transportados, mais de 500 mil quilômetros rodados e 100 milhões de kwanzas arrecadados (R$ 881,8mil)”, informou a empresa, em nota.

Leia também:

Caio exporta 132 ônibus para a Angola com soluções contra Covid-19

TURP

A Asperbras Veículos comemorou em outubro de 2020 um ano de operações em Angola, em parceria com o governo local e especialistas em tecnologia.

O TURP, que entrou em operação no ano passado, teve como objetivo auxiliar a expandir e modernizar o Sistema de Transporte Público na capital da província de Huíla, em Lubango.

“Desde outubro de 2019, a população da região tem à disposição transporte público acessível e de qualidade, com linhas de ônibus que permitem o acesso aos principais centros comerciais, administrativos e residenciais da cidade. Grande parte da população dependia anteriormente de candongas (vans) e mototáxis para se locomover”, informou a Asperbras, em nota.

Em um ano, a empresa contabiliza mais de 30 mil viagens, com cerca de 1 milhão de passageiros transportados, mais de 500 mil quilômetros rodados e 100 milhões de kwanzas arrecadados (R$ 881,8mil).

Durante os 12 meses de operação contínua, a Asperbras informou que supervisionou o processo de evolução do projeto, e com a ajuda de técnicos realizou o monitoramento operacional, oferecendo treinamento e suporte aos operadores dos veículos e aos municípios que fazem parte do projeto.

Na primeira etapa do projeto, a empresa enviou à Angola 700 ônibus. Um lote com 130 veículos chegou em julho deste ano, com proteção contra a Covid-19. Neste caso, foram veículos Volksbus 17.210 com carroceria Marcopolo Torino e barreiras de proteção BioSafe para motorista e cobrador.

Todos os veículos possuem ITS Transdata, usando validadores multifuncionais da família V6.

Relembre:

Jessica Marques para o Diário do Transporte

 

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta