Rodoviários de Jacareí (SP) fazem greve de ônibus por mais de dez horas por falta de pagamento do 13º

Ônibus não saíram da garagem pela manhã, mas operação já foi normalizada. Foto: Divulgação / Sindicato dos Condutores do Vale do Paraíba.

Na tarde desta terça (1º), empresa apresentou uma proposta que foi aceita pelos motoristas e cobradores

JESSICA MARQUES

Os motoristas e cobradores que atuam no transporte coletivo de Jacareí, no interior paulista, realizaram uma greve de ônibus por mais de dez horas nesta terça-feira, 1º de dezembro de 2020.

Desde 4 horas, início da operação, nenhum ônibus saiu da garagem, em protesto contra a falta de pagamento do 13º salário.

De acordo com informações do Sindicato dos Condutores do Vale do Paraíba, por volta das 14h30, os rodoviários aceitaram a proposta feita pela JTU, empresa que opera o serviço.

“A empresa se comprometeu a pagar 50% da primeira parcela no dia 10/12 e ainda, irá pagar a segunda parcela de forma integral no dia 18/12, provavelmente junto com o adiantamento. A proposta citada acima foi votada em assembleia e aceita pelos trabalhadores da JTU, que voltaram a trabalhar, normalizando o transporte coletivo de Jacareí”, informou o sindicato.

Ainda de acordo com os rodoviários, o pagamento deveria ter sido feito até segunda-feira (30).

“A JTU foi surpreendida na manhã de hoje por uma paralisação dos serviços de transporte público em nossa cidade, aprovada, sem a devida comunicação prévia legal, pelos colaboradores da empresa. A JTU está envidando todos os esforços possíveis para a normalização dos serviços e lamenta os eventuais transtornos causados aos usuários do sistema de transporte público de Jacareí“, informou a empresa, em nota, durante a paralisação.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta