Mercedes-Benz participa do desenvolvimento de Unidade Móvel de Tomografia para combate à Covid-19

Publicado em: 13 de outubro de 2020

Unidade Móvel de Tomografia tem cerca de 18,5 metros de comprimento e 2,60 metros de largura, transportada pelo caminhão Novo Actros. Foto: Divulgação / Mercedes-Benz.

Objetivo é ampliar volume de exames para pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde) em hospitais públicos da capital paulista

JESSICA MARQUES

A Mercedes-Benz informou, em nota, que está participando do desenvolvimento de uma Unidade Móvel de Tomografia para combate à Covid-19.

A ação está sendo feita junto à Associação Beneficente Ebenezer (CIES Global), que presta serviços à Prefeitura de São Paulo; à Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK São Paulo); ao DEG, órgão ligado ao Banco de Desenvolvimento KfW; à Fleximedical e à Siemens Healthineers.

O objetivo é desenvolver uma Unidade Móvel de Tomografia, utilizada para diagnosticar a Covid-19, transportada pelo caminhão Novo Actros da marca.

“O desafio dessa força-tarefa é ajudar ampliar o volume de exames de tomografia para pacientes do SUS (Sistema único de Saúde) em hospitais públicos do município, principalmente na época de pandemia”, informou a Mercedes-Benz, em nota.

A Unidade Móvel de Tomografia tem cerca de 18,5 metros de comprimento e 2,60 metros de largura, segundo a fabricante.

“Para ampliar o espaço interno e oferecer mais conforto no atendimento aos pacientes, parte da carroçaria é extensível, avançando mais 2,25 metros de largura e recebendo rampa de acesso. Isso traz mais comodidade e segurança para cadeirantes e para pessoas com dificuldade de locomoção. O espaço interno é formado pelas salas de tomografia, comando dos exames, ambientes multiuso, além do hall de entrada”, considerou a Mercedes-Benz.

Confira o vídeo do projeto, divulgado pela montadora:

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta