ANTT apreende sete ônibus circulando pela Buser em Operação no Rio de Janeiro

ANTT apreendeu 07 veículos da Buser em operação em Itatiaia (RJ) em outubro deste ano. Foto: ANTT

Todos os veículos apreendidos tinham como destino a capital São Paulo. Apreensões foram feitas em Itatiaia (RJ)

ALEXANDRE PELEGI

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) realizou mais uma etapa da Operação Pascal nesta sexta-feira, 09 de outubro de 2020.

Segundo informações oficiais da Agência, foram apreendidos ônibus de 7 empresas contratadas pela Buser e uma van.

A Operação foi realizada na praça de pedágio de Itatiaia, no Rio de Janeiro.

Os veículos apreendidos tinham como origens as cidades fluminenses de Volta Redonda, Niterói e Rio de Janeiro e Juiz de Fora, interior de Minas Gerais.

Durante a operação, a fiscalização identificou um motorista sem curso para transporte de passageiros.

EQUIPE DA ANTT AFIRMA QUE SOFREU INTIMIDAÇÃO DOS ADVOGADOS DA BUSER

Em nota encaminhada ao Diário do Transporte no fim da tarde deste sábado (10), a ANTT reclama da tentativa de ação intimidatória dos advogados da Buser contra os fiscais da ANTT no local da Operação.

Segundo a ANTT, tais ações “ferem o código de ética e disciplina da OAB na medida em que interferem na fiscalização dos serviços de transporte de passageiros na modalidade de fretamento, atividade que a própria empresa alega apenas intermediar tanto ao judiciário quanto ao ministério público, pois não são parte da lide e estão sendo acompanhadas de perto. A insistência na operação direta das linhas regulares de ônibus sem outorga do governo federal continua ilegal“, relata a nota.

Empresa diz ao judiciário e ao ministério público que só intermedia a venda de passagens mas contrata cinegrafista e torre de iluminação para intimidar os fiscais da ANTT“, afirma a nota.

A ANTT completou informando: “Advogados e cinegrafistas contratados pela Buser seguem atrapalhando fiscais da ANTT. A empresa tenta intimidar os fiscais dando a entender que o que deveria ser apenas a intermediação digital da venda do serviço, como alegada em juízo e ao Ministério Público, aparenta operar diretamente serviços de transporte regular travestidos de fretamento turístico”.

Veja os vídeo encaminhados pela ANTT sobre o fato:

Além disso, a Agência afirma que “a publicação nas redes sociais de opiniões com fins intimidatórios personificando a atuação dos fiscais no cumprimento do dever de fiscalizar padrão da ANTT incorrerá nas medidas jurídicas cabíveis”.

A ANTT ressalta não ter nenhum óbice às plataformas digitais de intermediação dos serviços que regula.

No caso concreto são empresas cadastradas para realizar o transporte   de passageiros em curcuito fechado, ou seja, declaram ser autorizatárias e estarem realizando viagem de ida e volta como um grupo de turismo, por exemplo, mas, na prática, executam linhas de ônibus regulares só de ida”, informou a Agência.

Importante deixar claro que aplicativos de transportes não são objeto direto da fiscalização da Agência.

A ANTT atua para garantir o cumprimento das resoluções que normatizam o setor de transporte rodoviário interestadual de passageiros por vias federais.

As empresas que prestam o serviço de transporte rodoviário de passageiros, por meio de aplicativos, poderão ser fiscalizadas tanto pela Agência quanto por outros órgãos fiscalizadores de transporte, de acordo com o tipo de serviço prestado (internacional, interestadual ou intermunicipal).

A competência de fiscalização da ANTT se restringe às viagens interestaduais (que cruzam estados) ou internacionais.

Há normas vigentes que precisam ser respeitadas por todas as empresas que prestam serviço de transporte rodoviário de passageiros, que são:

Para prestar o transporte interestadual e internacional rodoviário FRETADO de passageiros, ela deverá cumprir o que determina a Resolução nº. 4777/2015.

E para prestar o transporte interestadual e internacional rodoviário REGULAR de passageiros, a empresa deverá cumprir a Resolução nº. 4770/2015 da ANTT.

MANIFESTAÇÃO DA BUSER

O Diário do Transporte entrou em contato com a Buser, que informou que não irá se manifestar sobre as apreensões de ontem (9), “ilegais como todas as demais“. A Buser citou a posição do Tribunal Regional Federal da 3ª Região que forneceu mandado de segurança preventivo autorizando empresas que atuam na plataforma Buser a atuarem sem risco da apreensão sob a acusação de transporte irregular.

De acordo com a Buser a decisão proferida de forma preventiva, ocorreu para impedir apreensões que vinham sendo irregularmente realizadas. Os fretadores, pequenos empresários que foram duramente afetados pelos efeitos econômicos da pandemia, vêm enfrentando inúmeras dificuldades nos últimos tempos em razão da falta de uma regulamentação explícita que trate da permissão para a realização das atividades por meio de aplicativos, como a Buser. Leia aqui: Empresa de fretamento de SC consegue autorização do TRF-3 para operar viagens pela Buser


Veja imagens da operação enviadas pela ANTT:

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Leonnardo Maffei disse:

    Os barões do ônibus atuando implacáveis. Manipulando a lei para a sua conveniência

    1. Falou tudo, estou registrando essa operação arbitrária da ANTT,está tudo registrado áudio e vídeo. Sou jornalista e atuo pela Buser. A Verdade vai vir a tona.

  2. Ed disse:

    Parabéns para a Antt

    1. pedrosantos disse:

      parabéns ???? prender Buser eles prendem quero ver prender esses clandestinos que andam caindo os pedaços pro nordeste ANTT trabalha à serviço da Cometa,Aguia Branca entre outras aí que estão com medo da Buser por ter onibus iguais ou até melhores e ter um preço competitivo….

    2. marcioapaulo13@gmail.com disse:

      Tu e um bolha mesmo ne, merece ter serviço ruim

    3. Marcio disse:

      Uma agência prejudicial e cancerigina para qualquer serviço de transporte, a Buser veio para revolucionar Transporte de passageiros e pessoal da Antt quer atrapalhar em pró das empresas de ônibus atuais, que fazem que querem.

    4. Marco Rocha disse:

      ANTT só serve para beneficiar os grandes, deixando os pequenos empresários cada vez mais prejudicados.
      Atuam para roubar o frete dos pequenos e passar para os grandes.
      Um órgão que deveria ser extinto o quanto antes…
      Em nada estão pensando em segurança ou bem estar dos passageiros,, basta reparar nos carros que algumas empresas como Itapemirim, e outras colocavam pra rodar com essa agenciazinha de merda fazendo vista grossa e concedendo autorizações. Itapemirim tinha carros rodando com carroceria nova em chassis com mais de 30 anos de uso.
      Isso é pensar em segurança?????
      Pra mim isso só tem um nome CORRUPÇÃO.
      Órgão criado e patrocinado pelos grandes empresários do setor para defender interesses próprios.

    5. Wilson Araújo disse:

      Meus parabéns, teria que fazer isso no mundo dos táxi, olha aí taxistas, SMTR cadê as fiscalização nós carros de aplicativos?😜😜😜😜

  3. Santos Dumont disse:

    A Antt é um órgão ímpar. Coloca obstáculos para qualquer novo Entrante no sistema de serviços regulares, mas abre as pernas se o Entrante for alguma empresa vinculada aos grupos tradicionais. Então, muito bem com essas apreensões alardeadas, buscando qualquer detalhe q fuja as normas de serviço fretado….. mas o que dizer da Wemobi, do grupo JCA (Cometa, 1001, …)? Também elas começaram serviços abertos ao público por meio digital, e simulando linha regular. Não é! É fretamento SEM GRUPO FECHADO INDO E VOLTANDO. Vejam abaixo o que se noticiou aqui dias atrás sobre as operações entre BH/SAMPA e BH/RIO.
    E agora ANTT? Vai fingir que não viu só pq o grupo explora as linhas regularmente também?!?

    1. Lino Antunes disse:

      O Sr Gilmar Mendes o sócio majoritário de todas esse empresas!
      Exelentissimo Sr Jair Bolsonaro acabe com esse agência!!!

    2. Fabio Alves Pereira da Silva disse:

      Grupo ímpar? grupo a favor do poder economico das empresas que cobram 4 vezes mais o preço co varias taxas intermediárias. Os onibus da buzer são legais e tudo novo. Contas outras cara. Quando sistema se sente lesado usa seu poder economico aliado ao governo para poder intimidar ações que possam trazer um serviço mais barato a população, para manter seu monopólio, igual tentaram intimidar a Uber no início e não conseguiram.

      1. Fabio Alves Pereira da Silva disse:

        ANTT a favor do poder economico das empresas que cobram 4 vezes mais o preço co varias taxas intermediárias. Os onibus da buzer são legais e tudo novo. Contas outras cara. Quando sistema se sente lesado usa seu poder economico aliado ao governo para poder intimidar ações que possam trazer um serviço mais barato a população, para manter seu monopólio, igual tentaram intimidar a Uber no início e não conseguiram.

      2. Santos Dumont disse:

        Não discordamos de vc meu caro. Ao contrário, queremos acusar o tratamento ‘ímpar’ dispensado aos serviços capitaneados pelo Buser. Vc não verá um só movimento em prol do Decreto do Presidente. Só o boicotam. Novas empresas do transporte regular só obtém suas LOPs por meio judicial. O boicote é tão insidioso que no âmbito da agência intentam nova regulamentação (e adivinhe a quem beneficiará?) para restringir o acesso de novas empresas. O objetivo da ANTT sempre foi um só: estímulo a criação de uns poucos grandes grupos. É mais fácil lidar ($) com uns poucos medalhões do que com essa cambada de empresinhas de varejo. E não se iluda, pois aquele Decreto virou letra morta.

        PS. Existe uma saída. A luta permanente com apoio da população. Que se busque a associação que brigue pelo direito de todos se equipararem nos termos da lei e da CF. Aguarde para lutar o b combate.

    3. Odismar de Souza David disse:

      Boa tarde, o que posso dizer sobre esse assunto: A ANTT , não está e ou vem cumprindo um trabalho digno, haja vista as leis de trânsito estarem totalmente desordenada e desorganizada, o que dar a entender que essas ações da ANTT, vem sendo um complô pago pelas grandes EMPRESAS DE TRANSPORTE VIÁRIOS, presenciei várias ações onde os funcionários da ANTT, fizeram vistas grossas em relação a ônibus TRANSPORTE VIÁRIOS , dentro dos terminais rodoviários do RJ, ES, portanto essas ações considero ARBITRÁRIAS, e se realmente quisessem fazer um trabalho digno, que fizessem no geral e por ORDEM JUDICIAL, e não fazerem paradas de veículos que prestam serviços a uma só EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, como a BUSER !!

  4. Santos Dumont disse:

    Complementando …..
    Primeira saída será em 08 de outubro, às 23h, de ambas as localidades JESSICA MARQUES A plataforma de viagens do Grupo JCA, Wemobi, lançou nesta quinta-feira, 24 de setembro de 2020, a operação Belo Horizonte / JK Terminal Turístico – Rio de Janeiro / Glória. A primeira saída será em 08 de outubro, com saída […]

    Chupa essa ANTT…

  5. Paulo Henrique disse:

    Deveria fiscalizar a carga horária dos motorista, trabalhando fora de faixa e sem folga, mas fazem vista grossa para as grandes empresas.

  6. BH disse:

    Uma vergonha. Enquanto tem clandestino de pneu careca, sem cinto de segurança e cheio de outros problemas, a ANTT vai apreender ônibus zero km, confortável, cheio de viajantes que no fim das contas só acham essa agência um penduricalho em defesa do oligopólio dos ônibus que se instalou nesse país. O que a Buser trouxe é alvo de cópia de empresas ditas regulares, que simplesmente agem de forma a travar a inovação enquanto copiam descaradamente o modelo de negócios.

    1. Alexandre Ferreira Machado disse:

      Inovar sem seguir regras, leis??? É pirataria do mesmo jeito!

      1. Jhonatan disse:

        E quem define essas leis?

  7. Fabio Almeida disse:

    Tá dando gosto ver o transporte de pessoas virar uma zona!!!Os defensores da nova modinha tira uma dúvida minha por favor?Essa nova empresa da gratuidade ou desconto em passagens caso não tenha mais vaga para maiores de 65 anos?
    Pois é esse novo modal está quebrando o legalizado onde existia esses direitos,amanhã quando seus pais ou avós ou até mesmo vc quiser usar esse direito não haverá mais!!!
    Do mesmo jeito os apps de carros particulares fizeram com os táxis e agora com os coletivos!
    O tempo vai mostrar quem tem razão….

  8. gab disse:

    ANTT mercenários do inferno! a serviço da monopólio do transporte rodoviário….deviam ir todos praquele lugar…mega empresários de araque!

  9. FABIANO LEITE DE SANTANA disse:

    Sou a favor da China Comandando este país desorganizado.

  10. Mário Antonio Martins disse:

    Indignado, peguei um ônibus da Buser, excelente qualidade de serviço, tinha cabine de desinfecção, mediram a temperatura deram álcool gel, já fui para S.P com uma empresa de nome e não tinha esses cuidados? Não respeitando um passageiro por poltrona, já a Buser sim, vim em uma poltrona sozinho respeitando as normas, ônibus novo, o senhor Presidente da República deveria rever essa ANTT, pois aí tem monopólio de empresas, e mais? Pois não se vê pararem certas empresas? Porque?

  11. Rodrigo Gutierrez disse:

    Mas os carros de aplicativos da Uber pode rodar tudo de boa. Pq o buser não pode trabalhar TB?
    Penso q seria o mesmo sistema, hipocrisia. Sendo o mesmo sistema e com argumentos diferentes.
    Ou seja, lei só serve qd convém ao estado.$$$$$$

  12. Glauber disse:

    Acho que a ANTT realmente está de parabéns, mais que pena que ela só trabalha em uma região de interesse. Se realmente a um problema com a “BUSER” ela tem vai pra outra regiões e não para Rio e São Paulo, e todos sabem porque fica no proprio aplicativo os destinos e horários. Mais parece estranho certas glórias de fiscalização
    .

  13. Povotario disse:

    Parabéns a ANTT kkkkk. Os caras tiveram tempo de personalizar ônibus e vans, traçar os trajetos e contratar os supostos motoristas. Tiveram aval pelo menos temporário pra isso sabendo dos riscos. Ela não fiscalizou e agora está apreendendo ônibus e vans que realizaram (de acordo com a reportagem) viagens interestaduais. A piada é tanta (subestimação de nossa inteligência) que a reportagem fala que a empresa deverá cumprir com a Resolução nº. 4770/2015 da ANTT.

    Traduzindo: alguém(ns) grande ou com influência de dentro da ANTT fez vista grossa com as mãos molhadas.

  14. Marcelodn3 disse:

    Que maravilha, agora qualquer hum coloca uma carroça pra andar ou um TUKTUK e acha que pode ” ganhar dinheiro mole ” passando por cima das Empresas legalmente estabelecidas que geram Empregos formais e milhares de outros Empregos indiretos.

  15. Thepowerguido disse:

    O pior são esses “PAU DE BOSTA” ACHAR que é polícia, inventaram até um tipo de “farda” pra querer se achar!!!
    Tenho certeza que essa vestimenta não está prevista no órgão ANTT!!!
    Não tem competência de apreensão, isso é serviço da POLÍCIA, no caso rodoviária.

  16. jose Medeiros disse:

    AH NÃO! SE FOR ASSIM SEM LICENÇA PRA OPERAR, EU VOU COMPRAR UM ÔNIBUS TAMBÉM E COLOCAR NA ESTRADA. JÁ QUE É BAGUNÇADO ASSIM. E ACIONAR A JUSTIÇA $$$$ PAÍS DE BOSTA. REPUBLIQUETA DE BANANAS. NÃO VER O QUE O SUPREMO FEZ COM OS TÁXIS LEGALIZADOS!!!! ARREBENTOU A VIDA DE MAIS DE 600 PAIS DE FAMÍLIA, PRA ACOBERTAR ESSES APPS CLANDESTINOS!!!

    1. Jhonatan disse:

      O governo deveria salvar os fabricantes de velas, com tanta lâmpada sendo vendida por aí, acabou com o negócio deles. Agora, com essa história de LED, nem se fala…

  17. Zé pinto disse:

    ANTT tá comprada pelas grandes ..
    Mas o destino das grandes e o mesmo
    Dos táxis..perdendo feio pra Uber..99 etc..

    Quem decide e o povo..
    ANTT vai fiscalizar os caminhões de prefeitura
    Cambada.

  18. Paulo Ferreira de Souza disse:

    Tá certo a ANTT esse conglomerado de aplicativos têm que respeitar a lei, juízes que dão luminares provisórias não estão acima da lei, querem fazer como fizeram para legalizar esse tipo de transporte, não estão nem aí para o condutor se vínculo empregatício, daqui a pouco irão lucrar ainda mais utilizando a tecnologia 5G, entendam às máquinas farão tudo, é a Nova Era só sofrimento.

    1. Paulo Ferreira de Souza disse:

      Em tempo!
      Errata: Sem vínculo trabalhista e tal qual Uber.

  19. Jorge Henrique Dantas Mendes disse:

    Parabéns!!!! Essa atitude também deveria ter sido feita com a Uber, assim os taxistas que são LEGAIS não passariam o que passam hoje.

    1. Paulo disse:

      Amigo vc andava 5 kms de táxi era 30 reais,do riiquinho andava de táxi,

  20. givanildo defranca disse:

    Bando de vagabundos deixem as pessoas trabalharem.sera q vcs deram todo conforto para as pessoas seguirem viagem? Duvido

  21. Terence disse:

    Agências reguladoras agindo em favor do oligopolio das grandes empresas. Coisa de país que ainda não foi agraciado pelas benesses da civilização. Medo do livre mercado e da livre concorrência. O estado fazendo de tudo para privilegiar grandes grupos e piorar a vida das pessoas de bem. Típico.

    1. Santos Dumont disse:

      Não, Terence, o estado não quer prejudicar as pessoas. Ele só as quer na forma de ‘gado’, levando-o para o curral que as empresas gerem. O Estado é bonzinho. O que ele acha que é bom, não tem discussão. Contra o Estado temos o incentivo à quem nos trata bem, e o voto a quem nos engana.

  22. Ronaldo disse:

    Pura hipocrisia essa fiscalização o transporte de passageiros está totalmente banalizado,o exemplo maior é a Uber que acabou com serviço de táxi em todo mundo e aqui no Brasil não foi diferente, então acabem com a Uber e depois com buser pois os motoristas da Uber também não têm qualificação.Esta fiscalização é uma imposição das empresas de ônibus em cima da buser.

    1. Jhonatan disse:

      Já usou Uber? Quais são as suas reclamações com o serviço comparado ao serviço de táxi?

    2. Marco disse:

      Creio que nunca na sua vida falou tanta besteira ,AFF

  23. Douglas disse:

    Agência reguladora como sempre trabalhando duro para manter o cartel dos que molham sua mão, será? Bando de parasitas, só atrasam a sociedade

  24. Alexandre Perestrelo disse:

    Da próxima vez empresários e donos de ônibus, cadastrem seus veículos na Uber, eles não fazem nada e poderão circular normalmente.
    A Uber sempre dará um jeito de calar os fiscais e anular as leis

    1. Almir cavalcante disse:

      Exatamente

  25. Alexandre Ferreira Machado disse:

    Tem que cumprir a lei com todos! Buser, Ônibus pirata, Uber, apps de carona! Querem inovar sem seguir regras! Aí não cachoeira!

  26. Ana disse:

    Eu já viajei de vi ser e viajarei se necessário novamente. Foi otima a viagem de ida e volta. Isso tudo está acontecendo por que os ônibus fe viagem da rodoviária estão perdendo passageiros. Abaixar a passagem para um valor que ajuda a população não querem mas derrubar a concorrência quer.

  27. Ricardo carneiro leão bettamio disse:

    Parabéns a ANTT , fiscalizando transporte pirata sem o mínimo de regulamentação pra circular , deviam fazer com todo transporte por APPS pelo Brasil , que virou uma terra de ninguém , o estado serve pra organizar e regulamentar em pró da segurança de usuários e empresas regulamentadas e fiscalizadas , onde geram e assumem responsabilidades pelos milhares de empregos e por contribuir com o funcionamento do estado através de impostos.

    1. Jhonatan disse:

      Só serve se estiver seguindo o que o estado determina. O serviço dispõe de seguro e outras normas previstas em lei. Melhor ainda, qualidade que o USUÁRIO define. A burocracia do estado só impede o desenvolvimento tecnológico. Transporte por aplicativo de ônibus pode ser tão amplo e mais eficiente do que os de carro são hoje. Mas com tantas barreiras e empresas amigas do Estado, isso não é uma realidade.

  28. Mauro Kurz disse:

    Parabéns a ANTT, o transporte como qualquer outro segmento existem regras, a Buser burla as regras de fretamento para usufruir de linhas regulares…

  29. FAUSTO SILVEIRA SILVA disse:

    Vão ter que prender muitos ônibus , pois todos só fazem ida de transportes de passageiros e cargas . Máfia pura. Estão trabalhando isso é fato mais tem que dar a propina para uma de duas empresas no país que são autorizadas por políticos safados.

  30. O jornalismo sério é imparcial, não se divulga uma matéria sem verificar ambos os lados e apurar as verdades.
    Os agentes ANTT não só feriram as normas da OAB impedindo um advogado de trabalhar como tentaram impedir a imprensa de agir.
    Art. 1° – O acesso à informação pública é um direito inerente à condição de vida em sociedade, que não pode ser impedido por nenhum tipo de interesse.

    Art. 2° – A divulgação da informação, precisa e correta, é dever dos meios de divulgação pública, independente da natureza de sua propriedade.

    Art. 3° – A informação divulgada pelos meios de comunicação pública se pautará pela real ocorrência dos fatos e terá por finalidade o interesse social e coletivo.

    Art. 4° – A apresentação de informações pelas instituições públicas, privadas e particulares, cujas atividades produzam efeito na vida em sociedade, é uma obrigação social.
    A sociedade precisa saber o que acontece nas ações da madrugada feitas pela a ANTT principalmente aqui nesse trecho entre Resende RJ e Itatiaia RJ

    1. diariodotransporte disse:

      O Diário do Transporte buscou o outro lado diretamente com a BUSER, como o faz em todas as matérias que publica. Leia o texto, está lá desde o primeiro momento. Da mesma forma que o Diário publica matérias que “beneficiam” a empresa, publica também matérias que a “prejudicam”. Não trabalhamos para um dos lados, fazemos questão de manter nossa independência editorial, o que caracteriza o que o senhor chama de “bom jornalismo”.

  31. Carlos José Trinta Malheiro disse:

    Parabéns a ANTT

  32. Valdir Cardoso da Silveira disse:

    As empresas nao gostam pois continuam cobrando preços abusivos nas passagens , quando algem acha uma alternativa para viagem mais barata vem a cambada do cabide de emprego pra impedir , isso aconteceu com os taxistas que cobravam preços exorbitantes nas corridas que esses transportes de aplicativos acabou com a farra deles , transporte livre ja , Antt tem que fiscalizar e rodovias com pegagios carissimos em pessimas condiçoes , abaixo cabide de emprego ……

  33. Callahan disse:

    Viva a uberização ampla, geral e irrestrita! Viva a tudo isso…. Uberfans serão impiedosamente uberizados 😁
    Ontem foi o táxi, hj é o ônibus, e amanhã, será o bumbum das outras profissões…

    Quero mais é que se fuedam 😁👍👌🖕

  34. Francois disse:

    Essa ANTT não vale o que tem como orçamento para existir. Tem que acabar.

  35. Almir cavalcante disse:

    Livre concorrência. Só vai ser proibido quando for de encontro aos interesses dos políticos.

  36. Digo disse:

    E qual foi a real causa das apreensões? Tentando até agora entender.Será que é apenas mais um ilegal prendendo o legal, como faz a fiscalização de São Paulo,a fins de interesses por parte de alguém? Me ajuda ne?!Ou porque um motorista não tinha curso de Transporte de passageiros?

  37. Oswaldo M Neto disse:

    A mesma conversa fiada, dos motoristas de aplicativo, serviço barato e de qualidade…
    Que mundo esse povo vive?
    Acho que no mundo de Nárnia😁
    Impressionante a semelhança, serviço que entrou porquê estava quebrado, saiu sem nome…
    Deu de presente seu patrimônio, fiquem tranquilos daqui a pouco a localiza vai alugar ônibus…
    Prá burro só falta às penas, se vc olhar e ver …
    Tenho certeza que vai vizualizar motorista de aplicativo e dono de buser.

    O que mais tem é trouxas…

  38. Marcos Paulo Marques disse:

    Eu nunca essa ANTT trabalhar esses cânceres só estão fazendo isso pois as empresas de ônibus que prestam um serviço lixo, com ônibus lixos, vc compra passagem e vem um convencional e está ANTT não faz nada, um dos serviços piores do governo federal não resolvem nada e não fazem nada e CONTINUAREI VIAJANDO DE BUSER pois o dinheiro é MEU e vou conforme eu quiser

  39. Joslei disse:

    Só prestam pra ferrar com motoristas e pequenos empresários, para fazerem uma patrulha de madrugada para prevenir assaltos a esses veículos não prestam é o Brasil dos contras.

  40. José Carlos disse:

    Se vai fiscalizar, tem que fiscalizar todo mundo do mesmo jeito. Todos os dias tem ônibus sucateados saindo do Tietê com destino ao nordeste.

    Ônibus sem qualquer condição de segurança. E pior, alguns embarcam os passageiros na entrada do metrô, em frente a todo mundo! Passo ali quase diariamente e nunca vi uma única viatura da ANTT fiscalizando isso.

    Isso me parece uma perseguição clara. Se a Buser esta errada, e pode mesmo estar, por que não fiscalizam também esses casos ocorrendo no maior terminal de passageiros do país?

    1. Santos Dumont disse:

      Meu caro, essa fiscalização (leia-se SUFIS /Antt) é conduzida por alguém q tem a mão ordenada pelas associações dos grandes empresários. É gente que sonha voos mais altos…começando por se tornar Diretor da mesma agência que o adula e protege… Se a política o colocou lá, é a política que o tem q remover

  41. Sara disse:

    O povo apoia o Buser! Igual como era com o Uber, só vão sossegar quando conseguirem arrancar algum dinheiro com isso. Bora Buser! Dando oportunidade pra todo brasileiro viajar pagando o justo sem ter que pagar absurdos

  42. Alexandre disse:

    O bom e velho Lob,kd a fiscalização da “extinta carta frete? Esse ano cresceu 30% e o ciot para todos?,fiscalizam somente os que tem certo interesse.

  43. Elvert disse:

    ANTT, pegando propina das empresas de ônibus

  44. Cleyton dos Santos Xavier disse:

    100% eu prefiro Buser. Realizei diversas viagens e todas excelentes. Ônibus muito limpos, motoristas nota 1000000, ônibus novos ou com mecânica em dia.
    O transporte atual de passageiros toma um baile.
    Eu se puder ando só de Buser, Uber, Blá blá car …
    Cansei de ser assaltado por varios taxistas, cansei de viajar em ônibus caindo aos pedaços e ou sem conforto e pagando uma fortuna.

  45. Juliano Vukojević disse:

    Tem que fiscalizar mesmo! Se é pra fiscalizar deveriam fiscalizar primeiro a Uber, que não quer de jeito nenhum seguir as regras, tem muitos motoristas de apps que cometem inúmeras infrações de trânsito além de muitos motoristas ex-presidiários, com vários antecedentes criminais de alta periculosidade circulando na Uber e 99 e o pior de tudo é que a Uber continua atuando no Brasil porque a sociedade fecha os olhos e apóia esses apps que cobram barato, mas pode sair muito caro.

Deixe uma resposta para jose Medeiros Cancelar resposta