Corredor Itaquera-Líder com embarque e desembarque à esquerda começa a operar neste sábado (03)

Passageiros devem estar atentos ao embarque á esquerda no trecho

Trecho é de 2,1 km no eixo composto pelas avenidas Itaquera e Líder, entre a Praça Francisco Daniel Lopes e a Rua Harry Dannemberg

ADAMO BAZANI

Passageiros de ônibus de parte da zona leste da capital paulista devem ficar atentos porque entrou em operação neste sábado, 03 de outubro de 2020, mais um trecho do Corredor Leste-Itaquera.

A principal mudança é que o embarque e desembarque passam a ser pelas portas do lado esquerdo dos ônibus.

O trecho é de 2,1 km no eixo composto pelas avenidas Itaquera e Líder, entre a Praça Francisco Daniel Lopes e a Rua Harry Dannemberg.

São oito linhas de ônibus, das quais uma noturna, que passaram a oferecer os acessos aos veículos pelo lado esquerdo em três pontos: Parada Francisco Munhoz Filho, Parada Miguel Melo Alvim e Parada Maria Luiza Americano.

LINHAS COM EMBARQUE E DESEMBARQUE À ESQUERDA:

4036/10 Metrô Itaquera – Term. Vila Carrão – Viação Metrópole Paulista S.A.

4001/10 Itaquera – Term. Vila Carrão- Viação Metrópole Paulista S.A.

4007/10 Cohab Juscelino – Term. Vila Carrão – Express Transportes Urbanos Ltda.

403A/10 CPTM José Bonifácio – Term. Penha – Express Transportes Urbanos Ltda

407J/10 Jd. Soares – Metrô Tatuapé – Express Transportes Urbanos Ltda

4314/10 Inácio Monteiro – Term. Pq. D. Pedro II – -Viação Metrópole Paulista S.A.

4314/21 Inácio Monteiro – Term. Vila Carrão- Viação Metrópole Paulista S.A.

N405/11 Term. Vila Carrão – Metrô Itaquera (linha noturna) – Consórcio Transvida (Ambiental Transportes Urbanos S.A.)

De acordo com a SPTrans, outras seis linhas, que atendem os bairros com ônibus menores e portas à direita, inclusive uma linha intermunicipal, continuam atendendo pontos já existentes à direita e não circularão pelo corredor à esquerda.

ORIENTAÇÃO E HISTÓRICO:

A SPTrans informou ainda que os motoristas dos ônibus destas linhas passaram por treinamento para esta operação e que os moradores foram orientados quanto à segurança viária, principalmente em travessias de pedestres.

“A comunidade foi informada sobre as mudanças por meio de reuniões. Os motoristas de ônibus foram e continuarão a receber orientações sobre a necessidade de ampliar a atenção à travessia de pedestres entre os carros e a reduzir a velocidade ao se aproximarem da faixa de pedestres, mesmo quando o semáforo estiver aberto. Os cobradores também terão papel importante na orientação aos passageiros sobre segurança e os pontos de parada. Além disso, todo o trecho e entorno recebeu sinalização reforçada para aumentar a segurança, além da sinalização vertical e horizontal elaborada pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).” – diz o trecho da nota.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. tiago disse:

    duas coisas:

    Até que enfim…depois de mais de 17 anos comprando carros com as portas do lado esquerdo, os ônibus vermelhos vão utilizá-las.

    Será que há linhas concorrentes no corredor e fora dele?
    Penso nos passageiros saírem correndo da calçada para pegar o ônibus do corredor (ou saírem correndo do ponto do corredor para pegar o ônibus que passa na outra faixa) e o risco que pode haver. Será que são próximos os dois pontos?

Deixe uma resposta para tiago Cancelar resposta