Polícia do Rio deflagra operação contra quadrilha que fraudava cartões da SuperVia

Publicado em: 23 de setembro de 2020

Bilhetes fraudados eram usados em várias estações da SuperVia. Foto: Divulgação Mastercard

Prejuízo chegou a R$ 500 mil mensais

ALEXANDRE PELEGI  

A Polícia Civil do Rio de Janeiro lançou uma operação nessa quarta-feira, 23 de setembro de 2020, que redundou na prisão de 8 integrantes de uma organização criminosa que falsificava cartões de trem.

A operação reuniu policiais da Delegacia de Capturas (Polinter) e da Delegacia do Consumidor (Decon), e envolveu 21 mandados de prisão e 30 de busca e apreensão.

De acordo com uma investigação que vem sendo conduzida há mais de um ano, a gangue trapaceava cartões do Bilhete Único inserindo créditos fraudulentos, usados nas roletas de trens da SuperVia, que opera na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Os criminosos operavam em várias estações ferroviárias e causaram mais de meio milhão de reais por mês de prejuízo. Eles vão responder em juízo pelo crime de organização criminosa e peculato.

Os integrantes da quadrilha tinham uma tecnologia que conseguia quebrar o código de segurança dos cartões do Bilhete Único. Ao mesmo tempo eles conseguiam inserir créditos fraudulentos, e os Bilhetes depois eram vendidos a um valor menor nas catracas das estações.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

Deixe uma resposta