EMTU autoriza prorrogação de tarifa reduzida em linhas executivas dos ônibus Airport Bus Service

Publicado em: 12 de setembro de 2020

Linha 472 é a que possui menor valor

Valores que deveriam ser de até R$ 50 variam entre R$ 29 e R$ 39

ADAMO BAZANI

A EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos autorizou a prorrogação das reduções de tarifas das linhas de ônibus seletivos que partem dos aeroportos em Guarulhos, na região metropolitana, e em Congonhas, na zona Sul da capital paulista.

Como havia mostrado o Diário do Transporte, desde o início do ano o Consórcio Internorte de Transportes já tem praticado valores menores que os até R$ 50 que são a tarifa oficial.

De acordo com resolução da Secretaria dos Transportes Metropolitanos/STM-46, publicada neste sábado, 12 de setembro de 2020, até o dia 30 de setembro, as tarifas permanecem da seguinte maneira:

– 258 Guarulhos (Aeroporto Internacional de Guarulhos) – São Paulo (Aeroporto Internacional de Congonhas): R$ 39,00

– 316 Guarulhos (Aeroporto Internacional de Guarulhos) – São Paulo (Avenida Paulista, Circuito dos Hotéis): R$ 39,00

– 472 Guarulhos (Aeroporto Internacional de Guarulhos) – São Paulo (Terminal Rodoviário Barra Funda) via Terminal Rodoviário do Tietê: R$ 29,00

As promoções são uma reação aos serviços de carros por aplicativo, como Uber e 99, que, dependendo do horário, da procura e do destino podem ter preço menor que dos ônibus executivos com a vantagem de levar o passageiro na porta do destino.

Já as desvantagens dos carros de aplicativo é que se a distância for longa, o preço vai ser bem maior que do ônibus e o motorista pode se negar a fazer a viagem, o que, apesar de as empresas de aplicativo alegarem que proíbem, na prática é o que acontece. Além disso, em horários de maior procura, por causa da chamada “tarifa dinâmica” os preços tendem a ser bem mais altos, não possibilitando uma programação pelo passageiro.

Nos ônibus, as desvantagens são o tempo de espera, que pode ser longo dependendo da faixa de horário e o itinerário fixo. Entretanto, a tarifa não muda independentemente do horário. Não há taxas para malas e os bagageiros são bem amplos. É possível o uso da bilhetagem eletrônica e, no caso dos modelos executivos, o conforto é amplo.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta