Capital Paulista e ABC registram pontos de aglomeração no domingo de feriado prolongado

Publicado em: 6 de setembro de 2020

Vão livre do MASP, na Avenida Paulista, foi um dos pontos de aglomeração. Foto: Adamo Bazani.

No vão livre do MASP, não havia mais espaço junto à calçada na tarde deste domingo

ADAMO BAZANI / JESSICA MARQUES

Mesmo com a pandemia de Covid-19 registrando ainda números altos de mortes e contágio e com a recomendação de autoridades de saúde para que as aglomerações fossem evitadas, o que foi visto em um trajeto entre Santo André, São Caetano do Sul e São Paulo foi o oposto destas recomendações.

Sem sair do veículo e com máscara e álcool em gel no carro, a reportagem do Diário do Transporte fez o percurso e constatou, além das aglomerações, muita gente circulando a pé ou de bicicleta sem usar máscara.

No Estado de São Paulo, o uso da máscara é determinado por lei, com a possibilidade de o cidadão ser multado se não estiver com a proteção.

Relembre: Governo esclarece dúvidas sobre uso obrigatório de máscaras em São Paulo e multas

SANTO ANDRÉ

No Parque Central, no bairro Paraíso, em Santo André, as pessoas se aglomeravam na entrada e, mesmo com GCMs (Guardas Civis Municipais), muita gente estava sem máscara e não era abordada pelos agentes.

Apesar da lei que obriga o uso de máscara ser estadual, são os municípios que devem fazer a fiscalização.

No Parque Celso Daniel, na Vila Assunção, também em Santo André, o movimento era um pouco menor que do Parque Central, mas também havia aglomeração na entrada. A reportagem não notou pessoas sem máscara.

OUTRO LADO

Em nota, a Prefeitura de Santo André informou que registrou movimento maior nas áreas verdes dos parques Central e no Celso Daniel neste domingo, porém, “sem comprometer as medidas de distanciamento recomendadas”.

Confira o posicionamento da Prefeitura:

A Guarda Civil Municipal fez rondas nos parques e orientou os usuários durante todo o dia. Vale ressaltar que a entrada nos parques só ê permitida com uso de máscaras e de medição da temperatura corporal, bem como higienização das mãos, com os Pit Stops da Prevenção que estão em funcionamento.  

Vale reforçar ainda que nos parques está permitida a utilização somente de áreas abertas, como pista de caminhada e academia, respeitando o distanciamento. 

O respeito ao distanciamento é um dos itens obrigatórios para quem deseja frequentar os parques, além do uso de máscara. O uso dos bebedouros é permitido apenas com copo do usuário e é proibida a realização de evento que possa provocar aglomeração.

CAPITAL E SÃO CAETANO DO SUL

Em São Caetano do Sul, o que chamou a atenção foi a quantidade de ciclistas sem máscaras. Na Avenida Goiás, a principal da cidade, é montada aos domingos uma ciclofaixa de lazer. Muitos dos frequentadores não usavam a proteção.

Já na cidade de São Paulo, dentro do trajeto feito pelo Diário do Transporte, o que chamou a atenção foi a Avenida Paulista. As calçadas nos dois sentidos da via estavam cheias em praticamente toda a extensão.

No vão livre do MASP, a calçada não tinha mais espaço para os pedestres. Outro ponto de muita aglomeração era a entrada do Shopping Cidade de São Paulo. Muita gente estava sem máscara.

Ciclista na Avenida Paulista com a Rua da Consolação. Muitos não usavam máscara. Foto: Adamo Bazani.

ÔNIBUS

Já os ônibus verificados no trajeto, circulavam praticamente vazios, tanto no ABC como na Capital. Todos os coletivos vistos tinham espaço de sobra nos bancos na tarde deste domingo, 06 de setembro de 2020.

Tanto em São Paulo (veículo laranja e prata) como em Santo André (branco) todos os ônibus que a reportagem encontrou no caminho estavam com vários bancos vazios. Foto: Adamo Bazani.

Tanto em São Paulo (veículo laranja e prata) como em Santo André (branco) todos os ônibus que a reportagem encontrou no caminho estavam com vários bancos vazios. Foto: Adamo Bazani.

LITORAL PAULISTA

Rodovia Imigrantes na manhã deste domingo, 06. Foto: Ecovias.

As praias do litoral paulista também ficaram lotadas neste feriado prolongado. A previsão da Polícia Militar Rodoviária é de que mais de um milhão de turistas se desloquem para a Baixada Santista neste período.

Nas redes sociais, a Ecovias informou que na descida da serra foram registrados pontos de congestionamento em diversos trechos da Rodovia Imigrantes.

Além disso, neste domingo, 06, foi houve lentidão na Imigrantes, sentido Litoral, do Km 28 ao Km 32. Da mesma forma, a Anchieta ficou congestionada no sentido Baixada, do Km 29 ao Km 31.

O topo de serra da Imigrantes também apresentou congestionamento, do Km 40 ao Km 43, sentido Litoral, devido ao excesso de veículos.

Na noite deste domingo, devido à neblina, a operação comboio foi implantada na praça de pedágio do Km 31, no topo da serra. Por sua vez, a Imigrantes já apresentou tráfego lento na serra, sentido São Paulo.

Adamo Bazani e Jessica Marques, jornalistas especializados em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta