Linhas 5-Lilás e 4-Amarela do metrô de São Paulo recebem exposições culturais no mês de agosto

Programação é gratuita. Foto: Divulgação.

Artes também serão divulgadas no Facebook para quem está ficando em casa

JESSICA MARQUES

As Linhas 5-Lilás e 4-Amarela do metrô de São Paulo recebem exposições culturais no mês de agosto. As artes também serão divulgadas no Facebook das concessionárias para quem está ficando em casa e querem apreciar as obras.

Confira abaixo, a programação artística das estações, por linha, conforme divulgado pelas concessionárias, por meio de nota:

LINHA 5

A Linha 5-Lilás recebe seis exposições simultâneas no mês de agosto. Quem passar pelas estações Santo Amaro, Largo Treze, Adolfo Pinheiro, Eucaliptos, Hospital São Paulo e Santa Cruz terá contato com temas culturais variados.

Para evitar aglomerações, seguindo recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), as mostras também serão divulgadas na página oficial da concessionária no Facebook, ao longo do período de exposição (https://www.facebook.com/ViaMobilidadeSP).

As exposições integram a agenda de atrações que a concessionária ViaMobilidade mantém com o objetivo de oferecer cultura, conhecimento e entretenimento aos passageiros que circulam pelas 17 estações da Linha-5-Lilás.

Atrações

Quem passar pela Estação Santo Amaro pode visitar a exposição fotográfica “Heróis da Saúde”, que homenageia profissionais da saúde que atuam no combate à COVID-19. A mostra consiste em um projeto visual que reúne imagens e relatos desses trabalhadores durante o período de combate à pandemia.

Os profissionais que utilizam a Linha 5-Lilás foram convidados, via redes sociais e nas estações, a enviar fotos em grupos ou sozinhos, descrevendo como tem sido o processo de trabalho diário. Em setembro, a mostra será exposta na Estação Campo Belo.

Na Estação Largo Treze, os passageiros podem conhecer o Programa Adolescente Saudável (PAS), por meio de uma série com 20 painéis que apresentam a iniciativa e exibem mensagens com informações sobre os cuidados com a saúde na adolescência.

O PAS tem como objetivo apoiar, capacitar e sensibilizar os jovens das regiões do Grajaú e Capão Redondo em temas como a saúde e a educação. Em setembro, a exposição estará disponível para visitação na Estação Santo Amaro e em outubro na Estação Adolfo Pinheiro.

A exposição “Turma do Zebuzinho” está disponível na Estação Adolfo Pinheiro. A mostra, produzida pela editora Bela Vista Cultural, exibe um breve recorte da sétima edição da revista Turma do Zebuzinho.

A exposição reúne personagens que representam cada uma das raças zebuínas no país e apresentam a contribuição do gado zebu para a história do Brasil e de Uberaba, cidade que abriga as sedes da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) e do Museu do Zebu. As estações Eucaliptos e Campo Belo receberão a mostra em setembro e outubro, respectivamente.

Os passageiros que utilizam a Estação Eucaliptos estão convidados a visitar a exposição “FotoPreta”. A mostra apresenta o trabalho de 10 fotógrafos(as) do coletivo Afrometria, grupo que dialoga com a cultura afro-brasileira e tem como objetivo unir e divulgar artistas negros de várias gerações. Em setembro, a obra estará em cartaz na Estação Brooklin.

A Estação Hospital São Paulo recebe até o fim deste mês a exposição “Novos olhares”, composta por imagens produzidas pelas equipes do Hospital do Amor e da Santa Casa de Barretos, com apoio da ONG ImageMagica. O projeto visual apresenta fotos relacionadas aos temas sustentabilidade, desperdício e humanização. As estações Moema e Largo Treze receberão a mostra em agosto e setembro, respectivamente.

A mostra “Combate ao colesterol”, em exposição na Estação Santa Cruz, celebra o Dia Nacional de Combate ao Colesterol, comemorado no dia 8 de agosto. A exposição reúne painéis com informações sobre essa condição. Sintomas, causas, fatores de risco e os tratamentos disponíveis estão entre os temas retratados na intervenção artística.

LINHA 4

Sete das dez estações da Linha 4-Amarela recebem exposições simultâneas no mês de agosto. Quem passar pelas estações Luz, Higienópolis-Mackenzie, Paulista, Oscar Freire, Fradique Coutinho, Faria Lima e São Paulo-Morumbi terá acesso a temas culturais variados.

Para evitar aglomerações, seguindo recomendações da Organização Mundial da Saúde, as mostras também serão divulgadas na página oficial da concessionária no Facebook, ao longo do período de exposição (https://www.facebook.com/ViaQuatroSP).

Atrações

Na Estação Luz está em cartaz a exposição “Estudo do Cotidiano”, do artista plástico Bruno Delgado. A mostra apresenta cenas da cidade de São Paulo e mistura clássico com expressividade da arte contemporânea.

Na Estação Higienópolis-Mackenzie a mostra “Identificam-se Protagonistas” está disponível para visitação durante todo o mês. A exposição apresenta uma série de retratos e histórias que representam microempreendedores das periferias da cidade de São Paulo. Em setembro, a intervenção artística será exposta na Estação São Paulo-Morumbi.

A Estação Paulista recebe duas exposições durante o mês de agosto.

Uma delas tem o objetivo de apresentar um breve recorte do fotolivro “Caatinga um novo olhar”, lançado em 2012 com imagens do acervo da Associação Caatinga, instituição criada em 1998 com a missão de promover a conservação das terras, florestas e águas da região da Caatinga. A exposição passará pelas estações Luz e Fradique Coutinho em setembro e outubro, respectivamente.

A outra exposição disponível para visitação na estação busca chamar a atenção para a importância do saneamento básico no Brasil. A mostra “Heróis da Natureza” aborda o tema de forma lúdica com imagens e histórias dos personagens da Turma dos Heróis da Natureza. Em setembro, a série será exposta na Estação Faria Lima e em setembro na Estação São Paulo-Morumbi.

Na Estação Oscar Freire está em cartaz a exposição “50 anos Museu da Casa Brasileira”, projeto visual que apresenta cronologicamente momentos históricos da programação cultural promovida pela Museu da Casa Brasileira (MCB) ao longo das últimas cinco décadas. A mostra destaca exposições de design e arquitetura e apresentações musicais realizadas ao longo desses anos no museu. As estações Paulista e Faria Lima recebem a exposição nos meses de setembro e outubro, respectivamente.

A Estação Fradique Coutinho recebe a exposição “Quebrada Inteira”, composta por 19 retratos que revelam a força e a leveza das moradoras das extremidades da cidade. O imaginário, o sagrado, as plantas que curam e a anunciação de uma realidade íntegra, lúdica e permeada pela sabedoria popular é terreno fértil para a construção dessa série que busca o olhar do revide. Em setembro a mostra será exibida na Estação Paulista.

A exposição “O Que te Motiva”, em cartaz na Estação Faria Lima, consiste em imagens do projeto Walk and Talk, desenvolvido por Luah Galvão e Danilo España, o casal de brasileiros que deu a volta ao mundo em dois anos pesquisando sobre motivação, sonhos, desejos e descobriram que a única diferença entre os povos eram as fronteiras geográficas.

A Estação São Paulo Morumbi recebe a exposição “Desmistificando o câncer infantil”. A intervenção artística, desenvolvida pela AACD, apresenta uma série de painéis com informações e dados sobre a doença que buscam reforçar a importância do trabalho das unidades de saúde e das casas de apoio no enfrentamento do câncer infanto-juvenil.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta