Depois de mais de dois meses em greve parcial, motoristas de ônibus de Teresina decidem voltar ao trabalho

Publicado em: 8 de agosto de 2020

Transportes têm funcionamento parcial

Frota está reduzida devido à pandemia

ADAMO BAZANI

Trabalhadores do sistema de ônibus municipais de Teresina (PI) decidiram na manhã deste sábado, 08 de agosto de 2020, encerrar a paralisação parcial, que teve início em 15 de junho.

A categoria reclama de defasagem salarial, risco de ampliação do desemprego e falta de equipamentos de proteção individual.

O Sintreto, que representa os trabalhadores, anunciou que deve entrar na Justiça para obrigar que as empresas forneçam máscaras e álcool em gel para os funcionários e façam testagem e acompanhamento de saúde. A entidade quer que haja limitação da lotação dos ônibus.

Por causa da pandemia, 70% da frota circulam das 6h às 9h e das 16h às 19h e 30% nas demais horas.

Aos fins de semana, não há circulação.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

Deixe uma resposta